como veio ao mundo

Em videoconferência, vereador do Recife esquece câmera ligada e toma banho no meio da sessão

O vereador lamentou o ocorrido e disse que não é bem familiarizado com as tecnologias das videoconferências

JC
JC
Publicado em 19/05/2020 às 18:07
Notícia
Câmara Municipal do Recife / JC Imagem
Câmara Municipal do Recife - FOTO: Câmara Municipal do Recife / JC Imagem
Leitura:

Há menos de uma semana um homem virou notícia ao esquecer a câmera ligada e aparecer tomado banho no meio da reunião do Ministério da Economia, com a presença do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), e empresários de diversos setores. Desta vez, foi o vereador do Recife, Amaro Cipriano Maguari (PSB), foi quem surgiu sem roupas em uma videoconferência.

» "Tem um peladão aí", avisa Guedes em videoconferência de Bolsonaro com empresários em que homem aparece tomando banho

Na reunião plenária por videoconferência desta terça-feira (19), o vereador Maguari esqueceu de desligar a câmera e foi tomar banho. As imagens vazaram, mas foram editadas e apagadas pela Câmara dos Vereadores. Procurado pela reportagem do JC, o vereador Maguari pediu desculpas e disse que não teve a intenção. Ele está cumprindo o isolamento em um imóvel na Ilha de Itamaracá, Litoral Norte do Estado. 

"Comecei a assistir a sessão às 10h e às 14h veio aquele mal-estar, um calafrio. Eu sou diabético, aí levantei para tomar banho e comer. Levei o celular para o banheiro porque não quis perder o fio do assunto que estava sendo debatido entre os vereadores Eriberto Rafael (PP) e Rinaldo Júnior (PSB). Foi quando, em menos de dois minutos, (o vereador) Samuel Salazar (MDB) me ligou desesperado falando o que estava acontecendo", explicou o vereador recifense.

Aos 68 anos, Maguari atrelou o ocorrido à sua idade e à falta de familiaridade com a tecnologia. "Se eu tivesse um bom conhecimento e me atentado, eu teria desligado o telefone totalmente. Isso é totalmente alheio aos meus princípios, à minha conduta, e à minha educação com a minha família e os meus eleitores. Foi uma coisa abstrata sem eu ver e saber. Tenho dificuldade com tecnologia e toda a situação foi atípica", declarou.

Também procurada pela reportagem do JC, a assessoria de comunicação da Câmara do Recife informou que não comenta o assunto, mas afirmou que irá apurar essas imagens que vazaram, uma vez que elas não são as mesmas que aparecem para o grande público durante a reunião plenária remota. As imagens com a presença do vereador sem roupas puderam ser acompanhadas apenas por algumas pessoas que, internamente, assistiam à reunião.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias