MPE

Em Pernambuco, Ministério Público Eleitoral lança campanha de conscientização para as eleições 2020

A campanha foi lançada em transmissão online com a participação do procurador regional eleitoral, Wellington Saraiva, e o procurador-geral de Justiça do estado, Francisco Dirceu Barros

Gabriela Carvalho
Gabriela Carvalho
Publicado em 15/09/2020 às 12:06
Notícia

MP Eleitoral
O MPE, em parceria com ilustradores voluntários, lançou artes de conscientização para as redes sociais - FOTO: MP Eleitoral
Leitura:

Para conseguir informar o eleitorado de forma mais lúdica, o Ministério Público Eleitoral em Pernambuco (MPE) lançou, nesta terça-feira (15), a campanha “Pelejando por uma eleição mais justa”. Inspirada em elementos do cordel, com linguagem simples e acessível, a ação foi feita para orientar os cidadãos e cidadãs sobre a importância de sua colaboração para que as eleições aconteçam dentro da lei, e com uma disputa equilibrada entre os candidatos e candidatas. A campanha foi lançada em transmissão online com a participação do procurador regional eleitoral, Wellington Saraiva, e o procurador-geral de Justiça do estado, Francisco Dirceu Barros.

"Nós acreditamos firmemente que as eleições só serão mais justas se houver participação e conscientização das cidadãs e cidadãos. Eles têm que conhecer seus direitos e tem que ter conhecimento para recusar eventuais propostas indevidas que sejam feitas por cabos eleitorais, candidatos", explicou Wellington Saraiva, membro do Ministério Público Federal (MPF).

As peças da campanha alertam os cidadãos sobre compra de voto, notícias falsas, aglomerações em tempo de pandemia e propagandas eleitorais antes hora. As ilustrações da campanha foram disponibilizadas no site do MPPE em vários formatos para redes sociais, inclusive como stickers, figurinhas usadas no chat do WhatsApp.

"Desde as eleições passadas (presidenciais de 2018) vimos que as eleições estavam se tornando mais virtuais do que presenciais. Agora com a pandemia, não tem outra forma de fazer uma eleição se não for assim. Por isso é importante conscientizar o cidadão a não participar de aglomerações neste momento. A aglomeração é típica do processo eleitoral, mas não esse ano", alertou Francisco Dirceu, chefe do Ministério Público de Pernambuco (MPPE).

Campanha

A campanha surgiu em 2018, e foi relançada agora, em uma nova versão, para engajar os eleitores e eleitoras de Pernambuco nas eleições municipais de 2020, estimulando sua participação na fiscalização do processo eleitoral e promovendo o voto responsável e consciente.

O MP Eleitoral recebeu apoio de voluntários para produzir as peças da campanha. Os textos foram elaborados pela Assessoria de Comunicação do órgão, que coordenou o trabalho. As ilustrações das peças gráficas foram criadas pelos artistas plásticos Rafa Saraiva e Mila Cavalcanti.

Os spots de rádio foram gravados em estúdio com locução de Gilmar Lyra, Wilza Saraiva e Daniel França, e editados pela equipe de comunicação da Procuradoria-Geral da República, também responsável pela publicação das mensagens nas redes sociais.

O MP Eleitoral conta com colaboração dos cidadãos para difundir as mensagens, inclusive nas redes sociais e em aplicativos de mensagens, usando o material disponível no site. Para conferir as peça da campanha, basta clicar aqui.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias