Legislativo

Câmara do Recife vai dar R$ 30 milhões para prefeitura investir em obras

Dinheiro vai vir de recursos economizados na pandemia e de parte do fundo criado para a aquisição de uma nova sede da Casa

Luisa Farias
Luisa Farias
Publicado em 10/12/2021 às 15:59
Divulgação
AJUDA Recursos economizados na Casa serão investidos pelo Executivo em obras de infraestrutura urbana - FOTO: Divulgação
Leitura:

A partir da economia nos gastos e dos cortes provocados pela crise da pandemia da covid-19, a Câmara do Recife angariou um montante de R$ 30 milhões para serem destinados para a Prefeitura do Recife. O valor deve ser utilizado pelo Executivo Municipal para investimento em obras de infraestrutura urbana. 

A decisão foi pactuada entre todos os vereadores da Casa José Mariano, segundo explica o 1º secretário, Eriberto Rafael (PP). "É a primeira vez na história que a gente tem um volume como esse de recursos. Entendemos que nesse momento que a gente está vivendo a gente precisa acelerar a retomada econômica, e quando se contrata obra tem geração de emprego e renda", afirmou o vereador ao JC.

A Casa conseguiu economizar com a otimização de processos e cortes na pandemia da covid-19, por exemplo. Desde março de 2020 até atualmente, as sessões, reuniões de comissões e audiências públicas seguem ocorrendo de forma remota.  

Outra parte dos recursos é oriunda de um fundo especial criado para a aquisição de uma nova sede para a Câmara do Recife, instituído a partir da Lei Municipal nº 17.853/2012. A legislação determina a transferência dos recursos economizados ao final de cada ano para o fundo. No mês de abril, a Câmara informou que o saldo era de R$ 42.834.641,19.

A Casa deve aprovar outro projeto de lei modificando a legislação para permitir o uso do dinheiro para outros fins. A Comissão Executiva deve apresentar a proposição já na próxima segunda-feira (13). 

A proporção dos valores de cada uma das fontes será definida a partir do fechamento do orçamento de 2021. "A gente está pegando uma parte só daquele fundo e a gente está aí pondo para a frente. Entendemos que não é o momento agora (ter uma nova sede), pensando mais na cidade do Recife", completou Eriberto Rafael. 

 

Comitiva

O anúncio da transferência ocorreu nesta sexta-feira (10) na sede da PCR. Representando a Mesa Diretora estiveram presentes o presidente da Câmara, Romerinho Jatobá (PSB) e Eriberto Rafael (PP). "O Recife está iniciando sua retomada econômica e voltando a investir em obras públicas. Fechamos o primeiro ano da Legislatura com uma decisão histórica de vereadoras e vereadores, que certamente irá impactar na melhoria da qualidade de vida de milhares de recifenses", disse

Pela bancada de governo foram o líder, Samuel Salazar (MDB), e o vice-líder, Rinaldo Junior (PSB). Já pela oposição, foram o líder, Renato Antunes (PSC), e o vice-líder, Tadeu Calheiros (Podemos). 

"Esse valor não está sendo repassado para o fundo da Câmara do Recife para a aquisição de um novo prédio, mas sim para ajudar a cidade com obras e oportunidade de geração de empregos. Com isso, ajudaremos na retomada econômica para melhorar a vida do povo recifense", disse Samuel Salazar.

"Nada mais justo do que nesse momento de pandemia, dificuldade e retomada, a Câmara do Recife também fazer o seu papel e ser participante do Executivo para entregar ao povo do Recife ações que precisam. Um gesto que mostra coletivo e solidário que mostra independência e harmonia entre os Poderes", completou Renato Antunes. 

O prefeito João Campos (PSB) e o secretário de governo do Recife, Carlos Muniz, receberam a comitiva. "A gente sabe que este é um ano desafiador e a Câmara teve uma preocupação de fazer um ano com uma gestão importante, economizando recursos, chegando ao final do ano com superávit. A sobra de recursos está sendo destinada ao Poder Executivo, pra gente retornar 100% em investimento: obras e melhorias de infraestrutura, para todas as regiões e bairros da cidade do Recife. Parabenizo os 39 vereadores pela iniciativa", afirmou o prefeito. 

Comentários

Últimas notícias