PRESIDENTE

Bolsonaro volta a dizer que não tem relações com o assassinato de Marielle Franco

"Alguém me aponte um motivo que eu poderia ter para matar Marielle Franco. Motivo nenhum, zero. É um negócio que não dá para discutir mais", declarou o presidente

Amanda Azevedo
Cadastrado por
Amanda Azevedo
Publicado em 07/04/2022 às 20:51 | Atualizado em 08/04/2022 às 3:23
REPRODUÇÃO DE VÍDEO
Bolsonaro na live desta quinta-feira (7) - FOTO: REPRODUÇÃO DE VÍDEO
Leitura:

Por Eduardo Gayer, Estadão Conteúdo

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a dizer que não tem relações com o assassinato da vereadora Marielle Franco, em 2018, um crime político ainda não esclarecido totalmente.

"Alguém me aponte um motivo que eu poderia ter para matar Marielle Franco. Motivo nenhum, zero. É um negócio que não dá para discutir mais", declarou o presidente em transmissão ao vivo nas redes sociais.

A declaração de Bolsonaro foi um comentário à notícia veiculada pela Folha de S.Paulo com áudio de uma irmã do ex-policial militar Adriano Magalhães da Nóbrega acusando o governo federal de oferecer cargos em troca da morte do ex-capitão, apontado como envolvido no assassinato de Marielle.

 

Comentários

Últimas notícias