Mulher se ofendeu com vídeo do Porta dos Fundos, entrou na Justiça, e perdeu a ação; entenda

Anneliese Pires
Anneliese Pires
Publicado em 18/03/2017 às 11:46
Leitura:

Sabe aquele vídeo do Porta dos Fundos em que uma moça vai ao supermercado e procura seu nome na lata de refrigerante? Então, ele virou motivo de processo judicial. Tudo porque uma mulher chamada Sheila se sentiu ofendida com a brincadeira - em uma parte do filmete o funcionário responde que "Não, nome de puta a Coca não faz. Brigite, Sheila..." -  e entrou na Justiça com uma ação por danos morais contra o grupo de humor. Ela perdeu a ação.

Confira o vídeo:

Últimas notícias