Lexa sofre tentativa de sequestro na saída da Rede TV!

Anneliese Pires
Anneliese Pires
Publicado em 24/11/2017 às 14:00
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação
Leitura:

Lexa passou por um grande susto na madrugada desta sexta-feira (24), em São Paulo. A cantora sofreu uma tentativa de sequestro quando saía de um estúdio da Rede TV!, após participar de uma gravação. Segundo publicação do Extra, a mãe e empresária da cantora, Darlin Ferrattry informou que Lexa estava em um carro disponibilizado pela emissora a caminho de casa, em Alphaville, quando foi perseguida por dois veículos.

De acordo a matéria, os carros fecharam o automóvel da noiva de MC Guimê, que estava acompanhada do motorista que dirigia o veículo. Desesperada, a cantora falou com a mãe por WhatsApp, Dona Darlin ligou para a emissora, que acionou a polícia militar e conseguiu com que uma viatura localizasse o carro de Lexa e a escoltasse até em casa. Com a chegada da polícia, os bandidos fugiram.

"Foi desesperador, momentos de terror e pânico. Fiquei desesperada, minha filha estava sozinha, e eles esperavam ela sair da emissora para segui-la. A Lexa chorava, estava muito nervosa", contou Dona Darlin. Por conta do ocorrido, a mãe de Lexa precisou tomar uma providência para garantir a segurança da filha: "Vamos contratar segurança e ela vai andar agora em carro blindado".

A cantora vai fazer um boletim de ocorrência acompanhada do advogado Alexandre Valle. "A Lexa estava querendo evitar estardalhaço, achando que se for à delegacia vai sofrer um mal maior. Eu disse para ela que o seguro de vida é ir à delegacia. Lexa está vindo para o Rio e estamos vendo a possibilidade de fazer esse boletim online. Queremos tomar as providências que tem que ser tomadas", disse o advogado ao Extra.

Foto: Reprodução

Casamento ostentação

Devido ao ocorrido, Dona Darlin também contou que vai rever os gastos do casamento ostentação de Lexa e Guimê, marcado para o dia 22 de maio, em São Paulo. "Também estamos pensando em não ter mais essa coisa de alianças de diamante, entre outras medidas".

Últimas notícias