Gusttavo Lima é condenado a pagar fortuna por uso indevido de música

Igor Guaraná
Igor Guaraná
Publicado em 21/08/2018 às 16:21
Gusttavo Lima - Crédito: Divulgação
Gusttavo Lima - Crédito: Divulgação
Leitura:

Gusttavo Lima foi condenado em primeira instância a pagar cerca de R$ 10 milhões por uso indevido da música Que Mal te Fiz Eu, do português Ricardo Landum. O autor já tinha proibido o cantor sertanejo de comercializar, divulgar e executar tal música, mas Gusttavo continuou cantando a faixa, gerando outro processo. Um agravante nisso tudo é a alteração que o intérprete teria feito na faixa, também vetado por lei.

LEIA TAMBÉM: Gusttavo Lima comenta o caso Wesley Safadão x Mileide Mihaile: "Hipocrisia do pai"

O advogado de Ricardo Landum, Leonardo Honorato, explicou que no fim das contas, o artista deve cerca de R$ 10 milhões pelo ocorrido. “São R$ 3,1 milhões de multa, R$ 3,1 milhões da obrigação do fazer e mais R$ 125 mil por danos morais”, explicou. "O primeiro valor é da condenação, o segundo por que ele continuou a executar a música alterada mesmo sabendo que não podia e o terceiro é a indenização”, detalhou.

A equipe de Gusttavo disse que a música não se trata de um plágio, e que o Ricardo autorizou a gravação. O processo continuará em outras instâncias.

 

Últimas notícias