Guilherme de Pádua cria canal no Youtube para fazer pregações: "Deus me perdoou"

Anneliese Pires
Anneliese Pires
Publicado em 24/01/2019 às 9:50
Guilherme de Pádua. Foto: Reprodução/Facebook
Guilherme de Pádua. Foto: Reprodução/Facebook
Leitura:

O ex-ator Guilherme de Pádua, que foi condenado pelo assassinato da atriz Daniela Perez, filha da autora Gloria Perez, hoje pastor evangélico, lançou canal no Youtube para fazer pregações online. O primeiro vídeo, publicado há uma semana, mostra Guilherme contando a história de um criminoso que se regenerou e virou cristão.

"Tem 26 anos que eu tenho contato com presídio. Sete anos preso, mais 19 participando de projetos. (...) Na igreja em que frequento, conheço dezenas de pessoas que eram do crime mudarem de vida porque se tornaram crentes. De certa forma, a igreja é um ambiente muito propício para pessoas que têm a tendência de fazer coisas erradas. A cultura é: precisamos fazer o correto", diz.Em seguida, Guilherme diz que Deus tem uma aliança com ele. "Não sou mais eu quem vivo, mas Cristo vive em mim", completa.

Pádua foi condenado a 19 anos e seis meses de cadeia pelo assassinato de Daniela Perez, a tesouradas, em 28 de dezembro de 1992. A pena foi reduzida para seis anos de prisão posteriormente.

Leia mais:

Guilherme de Pádua vira pastor em Belo Horizonte

Guilherme de Pádua se casa na igreja, vinte anos após ser condenado por assassinato

“Eu sou xingada todos os dias”, diz nova esposa de Guilherme de Pádua

Últimas notícias