Filho de Hebe, Marcello Camargo diz que houve muitas brigas entre ela e Lélio, mas não viu agressão: "Jamais permitiria"

Romero Rafael
Romero Rafael
Publicado em 14/08/2020 às 18:55
Marcello Camargo - Foto: reprodução
Marcello Camargo - Foto: reprodução
Leitura:

Marcello Camargo, filho único de Hebe Camargo, concedeu entrevista ao "TV Fama", da Rede TV!, nesta quinta (13), e voltou a fazer críticas à "Hebe" - filme lançado em setembro do ano passado e transformado em série exibida pela TV Globo. Ele contou que Lélio Ravagnani, seu padrasto, nunca agrediu Hebe; nem com um tapa, como teria sido retratado na produção estrelada por Andrea Beltrão.

"Houve muitas brigas, de barulho, gritaria, de eu acordar com a gritaria, mas de ele [Lélio] bater nela [Hebe], eu nunca vi, e eu jamais permitiria, porque eu morava junto. Jamais permitiria que chegasse a este ponto", disse Marcello Camargo.

Marcello Camargo também criticou as posições dele e do padrasto na produção, colocados como inimigos. "Na série, parece que ele me odeia. Jamais. O primeiro carro que eu ganhei na vida, eu ganhei do Lélio. A gente vivia conversando de futebol, falando as coisas... depois, a nossa relação ficou um pouco deteriorada por causa do excesso de brigas. O Lélio tinha muito ciúme dela [Hebe]", contou.

Bebedeira

Outro incômodo de Marcello Camargo - e de que ele já havia falado à época do lançamento do filme "Hebe - A Estrela do Brasil" nos cinemas - são as cenas em que a apresentadora bebe. "Ela com copo de uísque na mão o filme inteiro, minha mãe não bebia assim, nunca bebeu no trabalho, no camarim dela tinha água."

LEIA CRÍTICA sobre o filme "Hebe - A Estrela do Brasil", publicada no lançamento, em setembro de 2019

Últimas notícias