Mário Frias e Secom atacam Marcelo Adnet após imitação

Anneliese Pires
Anneliese Pires
Publicado em 06/09/2020 às 10:44
adnet FOTO:
Leitura:

Uma paródia feita por Marcelo Adnet sobre uma campanha da Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) para homenagear os “heróis brasileiros”, lançada na quinta-feira, 3, foi alvo de de críticas do secretário especial de Cultura, Mário Frias, e também da própria Secom nesta sexta-feira, 4.

Mário Frias se irrita com Adnet: “Garoto frouxo”


Marcelo Adnet volta a criticar Bolsonaro em paródia: “Todo dia faz uma cagada”

No vídeo, Adnet imita Mário Frias, como se ele estivesse no quadro Arquivo Confidencial, do Domingão do Faustão, da TV Globo. O humorista interpreta Faustão, Bolsonaro e Frias. No Twitter, o ex-ator chamou Adnet de “frouxo”, “sem futuro”, “palhaço” e “bobão”. O secretário, ex-ator de Malhação, ainda tentou alfinetar Adnet no campo pessoal falando sobre o casamento com a humorista Dani Calabresa. “Um Judas que não respeitou nem a própria esposa, traindo a pobre coitada em público por pura vaidade e falta de caráter", escreveu.

Dani Calabresa doa vestido de noiva usado no seu casamento com Marcelo Adnet

Já a Secom postou que Adnet no vídeo “parodia o bem e faz pouco dos brasileiros”. Marcelo Adnet, por sua vez, comemorou a repercussão dizendo que o secretário de cultura e a Secretaria de Comunicação “recomendaram o vídeo”. O artista também comentou as críticas. “Aos fatos: se elegeram sob a bandeira do fim do mimimi e do politicamente correto, mas não aguentam uma sátira que vem chorar em perfil oficial. A crítica não é ao povo, não força a barra. É ao Governo Federal que em vez de trabalhar prefere perseguir seus próprios cidadãos.”


Últimas notícias