Zezé Di Camargo se junta a De Lukka e Felipe Duram em campanha sobre Marajó

Samantha Oliveira
Samantha Oliveira
Publicado em 22/10/2020 às 13:04
Zezé Di Camargo na campanha pela vida dos jovens | Foto: Divulgação
Zezé Di Camargo na campanha pela vida dos jovens | Foto: Divulgação
Leitura:

O cantor Zezé Di Camargo gravou, no último dia 7, em Goiânia, sua participação musical no projeto “Abrace Marajó”. A campanha tem como objetivo ajudar a combater a exploração sexual de crianças e adolescentes; violência contra mulher e todas as formas de violação dos direitos humanos.

LEIA TAMBÉM: Taís Araújo viverá Marielle Franco em especial para a Globo

Ao lado do artista De Lukka, compositor da música e Felipe Duram, produtor e também intérprete, o irmão de Luciano estrelou o clipe. O áudio visual será lançado nesta quinta (22) no Instagram do filho de Francisco; mas já está disponível no canal de De Lukka. Os três artistas buscam levantar a bandeira de valorização à vida e proteção ao menor.

Sobre Marajó

Contrastando com tanta beleza do arquipélago de Marajó, um abismo. Os 26 mil habitantes da cidade de Melgaço têm o pior IDH do país; e lidam com algo ainda mais grave: a convivência com a exploração sexual de crianças e adolescentes.

LEIA TAMBÉM: Cantor Luciano, da dupla com Zezé Di Camargo, agora se dedica a carreira gospel

É pelo leito do Rio Tajapuru que tudo acontece. Crianças e adolescentes usam canoas para se aproximar das balsas que fazem o transporte de cargas entre Belém e Manaus. As meninas e meninos entram nas embarcações com intuito de vender itens como açaí, farinha e palmito. Contudo, os jovens correm risco não só de se acidentarem, como risco de vida. Lá, eles são levados a vender o corpo frágil e franzino da idade em troca de dinheiro, comida e até combustível.

Projeto “Abrace Marajó”

O maior desafio que o programa enfrenta é a pobreza local. Será preciso aumentar a capacidade econômica da ilha; fazer investimentos para que o “Abrace o Marajó” deslanche e consiga, desta forma, abolir tamanha crueldade.

Últimas notícias