Tatá Werneck faz apelo após morte de Paulo Gustavo: "Mesmo com melhores recursos, não sobreviveu"

Augusto Tenório
Augusto Tenório
Publicado em 06/05/2021 às 15:19
Paulo Gustavo e Tatá Werneck (Foto: Reprodução/Internet)
Paulo Gustavo e Tatá Werneck (Foto: Reprodução/Internet)
Leitura:

Tatá Werneck voltou a falar sobre a pandemia do coronavírus após a morte de Paulo Gustavo, que aconteceu nessa terça-feira (4). A atriz alertou seus seguidores sobre a gravidade da situação e pontuou que o humorista não resistiu à Covid-19, mesmo contando com recursos especiais.

LEIA TAMBÉM
> ‘Stranger things’: 4ª temporada ganha primeiro teaser
> Gilberto fala sobre vontade de morar com Sarah

"Quando eu acordo me dá uns minutos de esperança de que seja mentira. Depois da um desespero. Um desespero! Pelo amor de Deus! Olhem pro que aconteceu com Paulo Gustavo! Mesmo com os melhores recursos do mundo ele não sobreviveu! Levem a sério! Parem de negar a realidade", disse Tatá Werneck.

Mãe de Paulo Gustavo se despediu do filho na hora do falecimento: “Obrigada por me escolher”

Em entrevista ao programa ‘Saia Justa’, a atriz Mônica Martelli detalhou como foram os últimos momentos de Paulo Gustavo. O ator faleceu na última terça-feira, 4, em decorrência das complicações da Covid-19.

A morte do humorista foi declarada pela equipe médica às 21h12, no Rio de Janeiro. Segundo Mônica Marteli, a mãe de Paulo Gustavo, Déa Lúcia Amaral, estava presente.

“Dona Deia é uma grande inspiração e grande mulher. Ela tem a mesma energia do Paulo Gustavo. Ela é tão genial que no momento de passagem de Paulo Gustavo, 21h12, ela falava: “Meu filho, meu filho, obrigada, por ter escolhido eu ser sua mãe.”

Últimas notícias