Kelly Key fala sobre psoríase: "Lesões tomaram mais de 50% da minha pele"

Augusto Tenório
Augusto Tenório
Publicado em 02/06/2021 às 13:19
Kelly Key (Imagem: Reprodução/Instagram)
Kelly Key (Imagem: Reprodução/Instagram)
Leitura:

Após ser vacinada contra a Covid-19, Kelly Key voltou a falar sobre a psoríase. A cantora de 38 anos recebeu sua dose do imunizante por causa da doença, pois integra o grupo prioritário para a vacinação. Ao jornal O Globo, ela falou sobre o problema.

"É complicado abrir uma questão extremamente íntima e que afeta a autoestima de alguma forma. Mas desde que dividi minha condição com as pessoas, não recebi um comentário maldoso pelas redes sociais sequer. Pelo contrário. Muita gente se viu representada em mim. Evidentemente, que não mostrei 100% da fase mais crítica da doença. Até tenho essas imagens, mas quero compartilhar quando estiver recuperada", comenta a cantora à publicação.

Recentemente, Kelly Key desabafou sobre o preconceito contra as pessoas com psoríase. Em vídeo publicado no seu canal no YouTube, a cantora fez alertas sobre o tratamento e fez questão de afirmar não se tratar de algo contagioso.

LEIA TAMBÉM
> ‘No limite’: André Marques é criticado por “desânimo” ao apresentar reality
> Thaís fala sobre Xamã e diz estar perto do primeiro milhão

"É mais interessante para deixar claro que somos capazes de dar a volta por cima e controlar essa situação. Fui muito abraçada. Teve seguidor indicando tratamento. O mais importante nesse processo todo é a relação de confiança com o médico. Enquanto investigava a razão das lesões, descobri que tenho intolerância ao glúten e uma pedra na vesícula. Foi muito doido. Graças a psoríase, me livrei de outras coisas ruins, que poderiam me levar até a morte. Foi uma transformação em todos os sentidos", completa a cantora.

Últimas notícias