Marrone desabafa sobre sua relação com Bruno: "Não é fácil"

MIRELLA MARTINS
MIRELLA MARTINS
Publicado em 12/06/2021 às 12:11
Foto: Reprodução
Foto: Reprodução
Leitura:

Qualquer sociedade é difícil. Seja comercial. Seja artística. Marrone abriu o jogo sobre sua relação com Bruno. Ano passado, eles se desentenderam na live de Jorge e Matheus quando a primeira voz da dupla comentou para o colega de trabalho: "Para de falar de você. Você fala muito de você, minha fazenda, minha vida, vai se f*", disse, abandonado o palco em seguida.

VEJA TAMBÉM
>> Live da dupla alcançou mais de um milhão de pessoas
>> Arlete Sales desabafa sobre racismo no casamento

A dupla se apresenta junta há 35 anos.

Segundo Marrone, paciência é uma de suas maiores virtudes e várias vezes teve que segurar a onda para a dupla não acabar, já que Bruno "gosta de beber bastante" e "passa dos limites". "Não posso não dizer que naquele momento ali dá vontade de chutar o balde e abandonar o barco, às vezes. Porque, talvez, eu acho algumas situações um pouco injusta. Mas nessas horas, Deus pega na minha mão e diz; 'fica quieto, deixa a poeira baixar'. Mas isso não é brincadeira, não é fácil. Profundamente, ninguém sabe o que está acontecendo, ninguém sabe de nada, mas nessas lives muita gente entendeu", comentou durante uma entrevista ao canal de Dudu Purcena.

Ele não esquivou e sabe da importância do seu equilíbrio. "Deus me deu esse equilíbrio mental e espiritual para eu poder me conter ali na hora, deixar rolar e ficar no meu canto, segurando as pontas. [...] Todos nós temos defeitos, ninguém é igual, então, já que existe as parcerias, nesses momentos a gente tem que ter a cabeça no lugar, alguém tem que ter o espírito ali, naquele momento, de apaziguar a situação, de levar aquela situação numa boa, saber contornar. Então, não posso dar uma de ignorante e querer fazer outro papelão", disse ele

Em seguida, o sertanejo comentou sobre um episódio em que Bruno abandonou o palco durante uma apresentação por misturar bebida com remédio. "Alguém, nessa parceria, tem que ter esse jogo de cintura. Como eu sei que o Bruno gosta de beber bastante, naquele dia ele misturou remédio com bebidas. Eu nem esperava aquela reação. Ele saiu do palco e eu pensei que ele fosse voltar rápido, e ele demorando.... eu cantei '24 horas de amor', ele demorando, então, pensei: 'o que vou fazer agora?", afirmou.

Marrone então percebeu que seu parceiro estava "transtornado e um pouco fora da casinha": "E aí, fazer o quê? Fiquei ali segurando as pontas. Parceria é ser parceiro. As pessoas não entendem isso: numa parceria ou numa sociedade, se você tirar uma pecinha, ela vai fazer falta".

Últimas notícias