Samantha Schmütz tem conta desativada no Instagram: "Querem me enterrar"

Romero Rafael
Romero Rafael
Publicado em 13/06/2021 às 14:14
Samantha Schmütz - Imagens: reprodução
Samantha Schmütz - Imagens: reprodução
Leitura:

Quem procurar por Samantha Schmütz no Instagram não vai achar. A conta da atriz na rede social foi desativada. Ela informou sobre o ocorrido no Twitter, neste domingo (13). E depois publicou: "Querem me enterrar mas, esqueceram que sou semente!!!!".

Mais cedo deste domingo (13), Samantha Schmütz havia publicado indireta nos Stories do Instagram: "Tem muito FAMOSO se passando por artista somente para vender SHAMPOO! Se liguem!!!".

Tretas

Samantha Schmütz, que somava mais de 2 milhões de seguidores na rede social, cresceu sua participação virtual após um vídeo que viralizou em que critica pessoas que são influenciadoras digitais e têm aglomerado na pandemia. Não só: ela apelou para que artistas e famosos compartilhem informações sobre vacina e outros assuntos importante no combate à pandemia.

Na web, o vídeo da atriz, cantora e humorista - que era amiga de Paulo Gustavo, que faleceu no início de maio, devido à covid-19 - foi interpretado como uma indireta para a atriz Deborah Secco, que havia viajado com o ator e humorista e postava vídeos de dança. Deborah parece ter vestido a carapuça, pois publicou mensagens que cabem como indiretas a Samantha Scmütz.

No seu engajamento, Samantha Schmütz fez crítica à influenciadora Gabriela Pugliesi, por dizer que a morte de Paulo Gustavo foi vontade de Deus. Também criticou a atriz Juliana Paes - por ter defendido, na CPI da Covid, a médica Nise Yamaguchi, que participou do Governo Federal e é defensora da cloroquina - e ainda a cantora Ludmilla, que fez show para 500 pessoas no Copacabana Palace junto com Gusttavo Lima, Alexandre Pires e Mumuzinho.

O polêmico vídeo de Juliana Paes, que virou meme por ela falar em "delírios comunistas", embora não nomeado, foi uma resposta a Samantha Schmütz. Após o caso, Ludmilla também mandou indireta para Samantha: "Tá revoltada com o mundo".

Últimas notícias