PROBLEMA DE SEGURANÇA

Falso padre se infiltra no Castelo de Windsor e causa susto na equipe da Rainha Elizabeth; entenda o caso

O incidente em Windsor está sendo investigado pelas forças armadas britânicas, responsáveis pela segurança da Rainha Elizabeth II

Lívia Maria
Lívia Maria
Publicado em 06/05/2022 às 15:39
DOMINIC LIPINSKI/POOL/AFP
O Castelo de Windsor foi invadido por um estranho que fingiu ser um padre - FOTO: DOMINIC LIPINSKI/POOL/AFP
Leitura:

As equipes de segurança da rainha Elizabeth II, do Reino Unido, passaram por um susto alguns dias atrás quando um estranho invadiu o Castelo de Windsor e até mesmo dormiu uma noite por lá, antes de ser exposto como um impostor.

De acordo com o jornal inglês The Guardian, uma investigação sobre a "extraordinária brecha de segurança" está sendo realizada pelas equipes responsáveis no castelo. As informações dão conta que o estranho conseguiu entrar na propriedade, no dia 27 de abril, alegando ser um padre e ter sido enviado para a Igreja.

Depois de ganhar a confiança dos guardas, dizendo inclusive ser amigo de um padre do batalhão de oficiais, o homem passou a noite com eles. Nesta noite ele compartilhou supostas histórias do seu passado, mas que foram se tornando cada vez mais bizarras. 

A desconfiança só começou quando o infiltrado contou que ter sido "um piloto de testes de assentos ejetáveis". Após algumas perguntas por parte dos oficiais de segurança de Windsor, a mentira foi descoberta e ele foi entregue à polícia local.

O suposto padre foi levado sob custódia pela polícia sem problemas. A Rainha Elizabeth II não estava em Windsor no momento do incidente. 

 

 

Comentários

Últimas notícias