MÚSICA

Johnny Hooker desabafa e fala em possível aposentadoria: 'antes do fim tem um disco novo'

Johnny Hooker se mostrou frustrado com o desempenho de sua nova música 'CUBA' nas plataformas digitais

Lívia Maria
Lívia Maria
Publicado em 22/05/2022 às 19:16
JOHNNY HOOKER/DIVULGAÇÃO
Johnny Hooker teve o show cancelado em Itabira - FOTO: JOHNNY HOOKER/DIVULGAÇÃO
Leitura:

O cantor pernambucano Johnny Hooker usou o Twitter na madrugada deste sábado (21) para desabafar sobre sua carreira após lançar o single "CUBA", dando a entender que pensa em parar de trabalhar com música. Hooker postou um print com os números de plays da estreia da música, decepcionado com o desempenho da faixa nas plataformas digitais.

"Para um artista existir e sobreviver sem apoio de nenhum lado precisa ter demanda orgânica, e os números do 1º dia de lançamento de CUBA deixam claro isso. Não há mais demanda pelo meu trabalho. Se é que houve um esboço de alguma algum dia. É preciso saber a hora de se retirar”, escreveu o artista, que é dono dos hits "Flutua" e "Amor Marginal".

Apesar da frustração com os números da sua nova música, Johnny revelou que irá lançar um novo álbum em algumas semanas. Entretanto, este pode ser seu último trabalho. "E ah, antes do fim ainda tem um disco novo inteiro que sai em algumas semanas! Obrigado por tudo! Amo vocês! Agora eu cansei, entreguei demais e o Brasil só me deu tapa na cara de volta", desabafou.

Reconhecendo que está em  um "mal momento" na carreira, Johnny ainda agradeceu pelo apoio que recebeu em seus dois trabalhos anteriores - "Eu Vou Fazer uma Macumba Para te Amarrar, Maldito" (2015) e "Coração" (2017).

“Não foi uma batalha em todo perdida, consegui driblar o poder econômico várias vezes. Tenho 2 discos de platina e 250 milhões de streams orgânicos pra provar isso. Fica o legado também, arte é pra sempre. Mas a gente tem que manter a dignidade também”, explicou o cantor.

Desde o seu último álbum, Johnny Hooker lançou outras canções em parceria com diversos artistas, como Gaby Amarantos, Adriana Calcanhoto e Karol Conká. Durante a pandemia, o cantor lançou ainda um álbum ao vivo, "Macumba: Ao Vivo em Recife" (2021) e uma regravação do sucesso "Flutua" em parceria com Majur e Pabllo Vittar. 

O cantor voltou ao Twitter para agradecer as mensagens de carinho e apoio dos fãs, após a repercussão das suas postagens.

“Amores, obrigado pelas mensagens de amor e carinho que inundaram por aqui, o meu desabafo não foi por ingratidão com tudo que já conquistei (que foi muita coisa por sinal), Às vezes é só um pedido de ajuda mesmo e um lembrete de que ainda estou aqui vivo, produzindo música F*DA… ”, escreveu.

Comentários

Últimas notícias