POLIAMOR

RELACIONAMENTO: O que é um TRISAL? Entenda como funciona o POLIAMOR na prática

O poliamor prega pela não-exclusividade romântica ou sexual, possibilitando relacionamentos como o trisal

Lívia Maria
Lívia Maria
Publicado em 23/05/2022 às 20:45
Eliene Lago/Reprodução/Instagram @vivendoatres_
Trisal é uma das formas de relacionamento do poliamor - FOTO: Eliene Lago/Reprodução/Instagram @vivendoatres_
Leitura:

Você concorda com o famoso ditado ‘um é pouco, dois é bom e três é demais’ em relacionamentos? Se sim, você é adepto da monogamia, mas tem muita gente por aí que vivem relacionamentos com outras configurações, como o trisal.

Chamado por muitos como um “triângulo amoroso do bem”, no trisal não há traição entre eles os envolvidos, que têm direitos iguais dentro da relação. Claro, isso se for uma relação “fechada”.

O que é um trisal?

O trisal é uma forma de relacionamento baseado no poliamor, que é a prática de ter mais de um relacionamento - sexual ou romântico - simultaneamente, com conhecimento e consentimento de todos.

No caso do trisal, são três pessoas que se envolvem romanticamente e/ou sexualmente. Em um trisal podem existir diferentes configurações, como o relacionamento entre os três envolvidos ou apenas duas das pessoas se relacionarem.

Quem dita as regras de como se dá a relação do trisal são os envolvidos, mas uma delas é inegociável: todos precisam estar cientes e de acordo com as regras do relacionamento.

Dessa forma, é preciso que todos saibam da situação que vivem, para não ser considerado uma traição da parte que está se relacionando com outra pessoa.

O empresário Diogo Simon, a advogada Graziela Lustosa e a influenciadora digital Natália Silva são um trisal de Palmas, Tocantins, que nas redes sociais compartilha a rotina do relacionamento.

“Três pessoas que resolveram viver um amor livre”, descrevem na bio do perfil no Instagram.

Em entrevista ao UOL, os três revelaram que Diogo e Graziela já eram casados quando conheceram Natália. "Gostamos muito da Natália, nos tornamos amigos e o negócio fluiu. Quando nos deparamos, todo mundo estava apaixonado. Quando a conhecemos, o Diogo olhou para mim e eu olhei para ele. Nós pensamos 'nossa, que linda'. Os dois se interessaram e investimos", disse Graziela.

No começo, Graziela conta que a relação era somente entre ela e Natália, mas que logo se sentiu confortável para incluir Diogo. Os três começaram a se relacionar e depois de um ano, oficializaram o namoro a três.

"Eu quase morri com o pedido [de namoro]. Eu já gostava muito deles, estava apaixonada pelos dois. Só que como eu iria falar para ambos que estava apaixonada pelos dois, sendo casados? Quando recebi a aliança, respondi 'sim' na lata e está dando certo", conta a influenciadora.

Como funciona o sexo em um trisal?

Como cada relação tem suas próprias regras, não existe uma fórmula perfeita que funciona para todos os trisais. Em alguns casos, só pode rolar relação sexual com os três, em outros, apenas duas pessoas podem transar sem problemas.

No caso de Diogo, Graziela e Natália, no começo, só rolava com os três juntos. Depois, à medida que eles foram se sentindo confortáveis e confiantes uns com os outros, liberaram o sexo apenas entre dois envolvidos da relação.

“Hoje, se estiver apenas eu e Natália, rola entre a gente, caso sintamos vontade. Se o Diogo estiver com a Natália, rola entre eles”, explica Graziela.

Como funciona o poliamor?

Para além dos trisais, no poliamor também são válidas relações com mais de três pessoas e das mais diversas configurações. Entretanto, todos precisam concordar com o tipo de relacionamento.

Ao contrário da monogamia, o poliamor prega pela não-exclusividade romântica ou sexual a dois, mas dois princípios inegociáveis são a consensualidade e equidade entre todas as partes.

Então, se você se considera poliamoroso, pode estar em um relacionamento com duas ou mais pessoas ao mesmo tempo, mesmo que estas não se relacionem entre si, já que também não é obrigatório que o relacionamento seja "fechado", ou seja, exclusivo.

Comentários

Últimas notícias