Blog de Jamildo - Tudo sobre política e economia com informação exclusiva, análise e opinião
Blog de Jamildo

Política do Recife, Pernambuco e do Brasil. Informações exclusivas, bastidores e tudo que você precisa saber sobre o mundo político

Justiça

Sari Corte Real será interrogada em última audiência do Caso Miguel, nesta quarta

A morte de Miguel completou 1 ano no dia 2 de junho

JAMILDO MELO
JAMILDO MELO
Publicado em 14/09/2021 às 8:55
Notícia
DAY SANTOS/JC IMAGEM
Caso Miguel Audiência Sari. - FOTO: DAY SANTOS/JC IMAGEM
Leitura:

Nesta quarta-feira (15), a partir das 9h, acontece em Recife (PE), a segunda audiência de produção de provas para o julgamento de Sari Corte Real pela morte do menino Miguel Otávio.

Sari é acusada de abandono de incapaz quando, em 2 de junho de 2020, deixou o menino Miguel, de apenas 5 anos, sozinho no elevador do prédio onde ela morava.

Miguel, que ficou sob a responsabilidade de Sari, subiu até o nono andar e, ao sair do elevador para a parte externa do prédio, caiu de uma altura de aproximadamente 35 metros. Sua mãe, Mirtes Renata Souza, cumpria ordens da patroa ao passear com o animal da família.

A audiência é de instrução, ou seja, ainda seguirão outros capítulos até a finalização do caso.

A audiência é um momento muito aguardado pois finalmente será ouvido o depoimento de Sarí Corte Real sobre o dia da morte de Miguel. Na primeira audiência, que aconteceu em dezembro de 2020, não ocorreu a escuta da acusada.

Será realizado um ato pacífico durante a realização da audiência, em frente ao Centro Integrado da Criança e do Adolescente, onde está localizada a 1ª Vara de Crimes Contra a Criança e o Adolescente.

A concentração será a partir das 9h e contará com a presença de Mirtes Renata - mãe de Miguel, familiares e amigos, artistas locais, representantes da Articulação Negra Pernambuco (ANEPE), do GAJOP, do movimento negro e outras organizações sociais e populares que clamam por justiça para esse crime.

Coletiva de imprensa

Após o término da audiência, Mirtes Souza, mãe de Miguel e os advogados habilitados como assistentes de acusação do caso concederão uma entrevista coletiva na sede do Gabinete Assessoria Jurídica Organizações Populares, também seguindo todas as recomendações sanitárias durante a pandemia.

A morte de Miguel completou 1 ano no dia 2 de junho. Em sua homenagem foram realizadas ações de solidariedade à família do menino, incluindo a Semana Internacional Menino Miguel que reuniu atividades em diversos lugares ao redor do mundo em memória de Miguel Otávio Santana da Silva e por tantas outras crianças negras que perderam suas vidas.

Comentários

Últimas notícias