Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

Chelsea vence Manchester City e conquista a Champions League

Marcos Leandro
Marcos Leandro
Publicado em 29/05/2021 às 18:07
Chelsea conquistou a Champions League pela segunda vez. Jose COELHO / AFP
Chelsea conquistou a Champions League pela segunda vez. Jose COELHO / AFP
Leitura:

Na final da Champions League entre os bilionários ingleses Manchester City e Chelsea, melhor para o time londrino. Com um gol de Havertz aos 42 minutos do primeiro tempo, o Chelsea bateu os comandados de Pep Guardiola, neste sábado (29), no estádio do Dragão, na cidade do Porto, em Portugal, e ganhou o título europeu.

Foi o segundo título da Liga dos Campeões na história dos Blues. O primeiro foi obtido em 2012, quando a geração comandada por Didier Drogba bateu o Bayern de Munique. Vale a pena ressaltar que a próxima edição da Champions League terá nova casa na tv aberta brasileira: o SBT/TV Jornal. 

Para o Manchester City, esta derrota ofuscou uma temporada na qual conquistou o Campeonato Inglês  e a Taça da Liga Inglesa. Na Copa da Inglaterra havia sido eliminado nas semifinais, justamente pelo Chelsea, que se confirmou como seu pesadelo nesta temporada. Além disso, o clube londrino é o que mais vitórias tem sobre o treinador Pep Guardiola, oito ao todo.

Esta foi a primeira vez que o City chegou à final da Liga dos Campeões, torneio que é o objeto de desejo dos donos do clube desde 2008, mas que terá que continuar esperando.

> "Transmitiremos a maior vitrine mundial do futebol", diz diretor do SBT sobre a Champions League

Guardiola, que foi bicampeão da principal competição do continente europeu com o Barcelona  (2009, 2011), foi contratado pelo City em 2016 com o objetivo de repetir esse feito com o time da Inglaterra.

O Chelsea, que terminou em quarto no Campeonato Inglês, chega a este título com dois integrantes que foram vice da Liga dos Campeões na temporada passada com o francês Paris Saint-Germain, o técnico alemão Thomas Tuchel e o zagueiro brasileiro Thiago Silva, substituído ainda no primeiro tempo devido a uma lesão na virilha.

Últimas notícias