Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

EUROCOPA

Ucrânia vence a Suécia na prorrogação e vai às quartas da Eurocopa

A classificação já é um sucesso para a equipe do Leste Europeu e pode se tornar uma façanha se conseguir eliminar a Inglaterra

AFP
AFP
Publicado em 29/06/2021 às 19:50
ANDY BUCHANAN / POOL / AFP
Festa da Ucrânia após a classificação. - FOTO: ANDY BUCHANAN / POOL / AFP
Leitura:

A Ucrânia se classificou para as quartas-de-final da Eurocopa ao vencer a Suécia por 2 a 1 nesta terça-feira em Glasgow, graças a uma cabeçada de Artem Dovbyk no final da prorrogação (120 + 1). No tempo regulamentar, Oleksandr Zinchenko abriu o placar aos 27 minutos e o sueco Emil Forsberg diminuiu pouco antes do intervalo (43).

Dovbyk, que entrou em campo durante o jogo, marcou o gol da vitória em Hampden Park no momento em que os ucranianos tinham um jogador a mais após a expulsão de Marcus Danielson (99) devido a uma entrada dura. O gol de Dovbyk, que havia entrado 15 minutos antes, após um cruzamento da esquerda de Zinchenko colocou a Ucrânia nas quartas de final, sua melhor classificação em uma Euro.

Os ucranianos já haviam disputado uma partida nas quartas de final, mas foi na Copa do Mundo de 2006, quando o técnico de hoje, Andrey Shevchenko, tinha a missão de marcar gols. A classificação já é um sucesso para a equipe do Leste Europeu e pode se tornar uma façanha se conseguir eliminar a Inglaterra.

O último jogo das oitavas de final da Eurocopa não ficará na história pela sua beleza e se mostrou até monótono em alguns momentos se comparado com os épicos 5 a 3 da Espanha sobre a Croácia, e 3 a 3 entre França e Suíça com vitória suíça nos pênaltis (5-4). Nas quartas de final, no sábado em Roma, os ucranianos vão enfrentar a Inglaterra, que mais cedo eliminou a Alemanha (2-0) em Wembley.

Nem mesmo os chutes na trave - dois para a Suécia (Forsberg) e um para a Ucrânia (Serhiy Sydorchuk) - quebraram a tônica. Mas a Ucrânia, com apenas uma vitória na fase de grupos, onde ficou em terceiro lugar, já está entre os oito melhores da Europa.

Comentários

Últimas notícias