Copa do Mundo

Saiba onde assistir ao vivo Brasil x Marrocos pela Copa do Mundo de Futsal

Brasil e Marrocos se enfrentam pelas quartas da Copa do Mundo de Futsal; confira onde assistir ao vivo

Cássio Oliveira
Cássio Oliveira
Publicado em 26/09/2021 às 9:29
Notícia
THAIS MAGALHÃES/CBF
Seleção brasileira não teve vida fácil contra o Japão e agora enfrenta Marrocos - FOTO: THAIS MAGALHÃES/CBF
Leitura:

Marcado para 10h deste domingo (26), o duelo entre Brasil e Marrocos terá transmissão ao vivo. A partida é válida pelas quartas de final da Copa do Mundo de Futsal da Lituânia 2021.

O jogo, na cidade de Vilnius, terá transmissão ao vivo na TV Globo, pela TV aberta, e SporTV, na TV paga. Além disso, você também pode acompanhar ao vivo pelo Youtube da FIFA TV de forma gratuita ou pelo Globoplay. No duelo contra o Japão, na última quinta-feira, pelas oitavas de final, a seleção brasileira conquistou uma vitória de virada por 4 a 2.

Escalação

A seleção deve entrar em quadra com a seguinte escalação: Guitta, Rodrigo, Gadeia, Dyego e Ferrão. Técnico: Marquinhos Xavier

O técnico Marquinhos Xavier ressaltou a importância de dar sequência à evolução do trabalho. "O Brasil vai jogar sempre se valendo muito desse potencial individual, da tática individual, do que o jogador que está em ação está enxergando. A gente tem que antecipar muitas das coisas que acontecem. Agora, claro que para você prever, você precisa de uma estrutura e é isso que a gente tem trabalhado incansavelmente aqui dentro. O Brasil fez vários gols coletivos, alguém vai colocar a bola para dentro, vai fazer a ação final. Mas o trabalho coletivo vem sendo feito e é preciso dar continuidade a tudo isso. Então, a gente fica feliz que os gols aconteceram, que a nossa defesa se comportou bem. Nós jogamos contra uma equipe extremamente organizada e quando você joga contra uma equipe organizada você também tem que ter a sabedoria e a humildade de reconhecer que você vai passar por problemas no jogo. O Brasil entendeu tudo isso e avança para as quartas de final", afirmou.

Comentários

Últimas notícias