Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

alemanha

Bayern de Munique reduz salários de cinco jogadores que não se vacinaram; saiba quem foram

Uma nova lei na Alemanha permite a redução de salário de empregados de uma empresa que tenham que se isolar como consequência por não estar imunizado contra a Covid-19

Haim Ferreira
Haim Ferreira
Publicado em 21/11/2021 às 13:08
AFP
O Bayern de Munique adotou a nova lei do governo alemão, que permite reduzir os salários de funcionários que não tomaram a vacina contra a Covid-19, punindo cinco jogadores - FOTO: AFP
Leitura:

O Bayern de Munique adotou uma nova lei do governo alemão, que permite reduzir os salários de funcionários que não tomaram a vacina contra a Covid-19.

Cinco jogadores do clube bávaro ainda não se imunizaram e serão punidos financeiramente: Joshua Kimmich, Serge Gnabry, Jamal Musiala, Eric Maxim Choupo-Moting e Mickaël Cuisance.

De acordo com a decisão, todos os dias que os atletas ficarem ausentes por estarem cumprindo quarentena serão descontados.

Todos os jogadores citados tiveram contato recente com uma pessoa infectada, de acordo com o jornal Bild.

O mesmo periódico ainda afirma que a cúpula do clube pretende mandar um alerta e aumentar a pressão para eles se vacinarem.

Enquanto isso, o estado da Baviera está considerando a introdução da vacina obrigatória para lutar contra a nova onda de infectados na região.

Por conta do aumento dos casos de Covid-19 na Alemanha, os clubes estão reduzindo a capacidade dos estádios nos jogos da Bundesliga e de competições da Uefa.

Com isso, as equipes também deixam de arrecadar dinheiro de receita da venda de ingressos.

Comentários

Últimas notícias