Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol em Pernambuco, do Nordeste, Brasil e do mundo
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, além do futebol nacional e internacional. Com análise, interatividade e opinião

HISTÓRICO

Libertadores: prazer soy Fortaleza

É também a primeira vez que um time do Nordeste atinge a competição sul-americana via Campeonato Brasileiro na Era dos Pontos Corridos

Marcos Leandro
Marcos Leandro
Publicado em 04/12/2021 às 9:21
Notícia
PEDRO CHAVES / ESTADÃO CONTEÚDO
Torcida do Fortaleza fez muita festa pela conquista da vaga da Libertadores - FOTO: PEDRO CHAVES / ESTADÃO CONTEÚDO
Leitura:

Com Estadão Conteúdo

O torcedor do Fortaleza está em festa. Os jogadores também. Com a vitória por 1x0 sobre o Juventude na noite da última sexta-feira (3), no Castelão, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Tricolor do Pici se garantiu na próxima edição da Libertadores. 

Em jogo eletrizante, Sport empata com Flamengo pelo Brasileirão

Neilton detona o Sport em desabafo sobre lesão: "Pensei que minha carreira tivesse acabado"

O atacante argentino Depietri foi o herói improvável do Fortaleza. Foi dele, aos 36 minutos do segundo tempo, o gol que deu a vitória ao time cearense que colocou o clube pela primeira vez na sua história na Copa Libertadores da América. É também a primeira vez que um time do Nordeste atinge a competição sul-americana via Campeonato Brasileiro na Era dos Pontos Corridos. 

Com o resultado, o Fortaleza ficou em quinto lugar com 55 pontos, garantindo ao menos uma vaga na pré-Libertadores - nas duas rodadas finais, vai lutar para entrar direto na fase de grupos (até o sexto lugar). Ainda no gramado, após a partida, os jogadores exibiram um cartaz com a frase: Libertadores prazer soy Fortaleza (Libertadores prazer sou Fortaleza). 

PEDRO CHAVES/AGIF / ESTADÃO CONTEÚDO
Jogadores do Fortaleza exibiram cartaz em alusão à conquista - PEDRO CHAVES/AGIF / ESTADÃO CONTEÚDO

O JOGO

O Fortaleza partiu para cima do Juventude e antes do primeiro minuto o árbitro Bruno Arleu de Araújo consultou o VAR para verificar um possível pênalti para o time cearense em toque de mão após cabeçada de Yago Pikachu. Após consulta, ele assinalou falta para o Juventude de David em cima de Vitor Mendes.

Mais intenso, o Fortaleza seguiu pressionando e chegando ao ataque com velocidade. Aos 13 minutos, David lançou Robson, que desperdiçou na cara de Douglas.

Apesar do domínio e da maior posse de bola, o Fortaleza chegou pouco de forma objetiva ao gol do Juventude na primeira etapa. O time gaúcho se limitou a apenas se defender na primeira etapa.

Por que os cearenses estão na frente dos times pernambucanos?

Se não atacou no começo, no segundo tempo foi o Juventude quem criou a primeira chance de gol. Aos oito minutos, após cruzamento de Guilherme Castilho, Sorriso escorou e Jadson quase fez de fora da área.

Após este lance, o Fortaleza voltou a comandar as ações e Douglas apareceu para salvar o Juventude duas vezes. Aos 13, defendeu conclusão de Robson após cruzamento de Yago Pikachu. Na sequência foi a vez do goleiro afastar chute de Osvaldo.

Aos 19, foi a vez de Marcelo Boeck trabalhar. Após cruzamento ela direita, Sorriso cabeceou no chão e o goleiro fez excelente defesa. Após esta chance, o time gaúcho ditou o ritmo do jogo e teve a chance de abrir o placar aos 33, quando Chico cruzou e Vitor Mendes cabeceou na trave.

Quando o Juventude era melhor, o Fortaleza marcou. Aos 36 minutos, após Douglas cobrar mal o tiro de meta, Depietri aproveita, avança e marca na saída do goleiro.

Depois disso, foi só festa tricolor nas arquibancadas do Castelão com mais de 45 mil torcedores. Ao apito final, foram mais de 15 minutos de comemoração da torcida e com a participação dos jogadores.

Os dois times voltam a jogar na segunda-feira, pela penúltima rodada do Brasileirão. O Fortaleza encara o Cuiabá na Arena Pantanal, às 20h. O Juventude, às 19h, visita o São Paulo no Morumbi.

Comentários

Últimas notícias