Blog do Torcedor - Tudo sobre o futebol do Brasil e do mundo, basquete, NFL e todos os esportes
Torcedor

As notícias de Náutico, Santa Cruz e Sport, futebol nacional e internacional. Basquete, NFL, Fórmula 1 e todos os esportes Com análise, interatividade e opinião

PSICOPATAS DA BOLA

Elenco psicopata? Hélio dos Anjos explica adjetivo dado ao grupo do Náutico; entenda

Adjetivo foi usado por torcedores na internet, mas o técnico do Náutico deu seu ponto de vista a respeito

Carolina Fonsêca
Carolina Fonsêca
Publicado em 07/01/2022 às 20:21
TIAGO CALDAS/NÁUTICO
Hélio dos Anjos, técnico do Náutico, deu sua primeira entrevista coletiva em 2022. - FOTO: TIAGO CALDAS/NÁUTICO
Leitura:

Mantido para mais uma temporada no Náutico, o técnico Hélio dos Anjos deu sua primeira entrevista coletiva em 2022. O assunto predominante na conversa com a imprensa foi a formação do elenco alvirrubro para este ano. Na internet, a torcida do Timbu tem brincado com o perfil das contratações, afirmando que são "psicopatas da bola". E o comandante deu seu ponto de vista sobre o assunto. 

>> "O Náutico é o time a ser batido esse ano", diz volante do Timbu

>> Sport, Náutico e Santa Cruz anunciam patrocinador master e pregam união "em prol do crescimento do futebol de Pernambuco"

"Foi uma palavra colocada nas redes sociais, gostei. Para mim, inteligente, interessante, é o psicopata no querer ganhar. Eu sou assim, minha forma de trabalho é essa. Não vi problema em trazer esse tipo de jogador. Tenho um comando tranquilo, dou a oportunidade do cara rasgar o contrato, se quiser. É o que precisamos, o espírito de vencer, ganhar, mas também o espírito de se comportar, que é uma coisa que não abro mão", disse. 

>> Após Diógenes Braga assumir oficialmente a presidência do Náutico, veja a composição da nova diretoria

Até agora, o Náutico anunciou oito reforços para 2022. O goleiro Lucas Perri, os zagueiros João Paulo e Wellington, o volante Richard Franco, o meia Eduardo Teixeira e os atacantes Ewandro, Leandro Carvalho e Jorge Ortega.

Outro ponto visto com positividade por Hélio é a manutenção de peças importantes do grupo. Segundo ele, "enche de esperança". "A manutenção dos jogadores é o que nos enche de esperança. Eles já fazem o trabalho naturalmente, vão adquirir uma condição de jogo mais rápido e mostram que aqui dentro tem um modelo a ser feito. Os que ficaram levam os outros a conhecerem nossos métodos mais rápido. Por isso, ficamos satisfeitos, manter o grupo de um ano para o outro é bom demais. Nosso modelo de jogo é crucial para termos um bom início de temporada", acrescentou. 


VEJA MAIS CONTEÚDO SOBRE O NÁUTICO

Comentários

Últimas notícias