Frozen

Cidades do Rio Grande do Sul e Santa Catarina registram neve nesta quinta-feira; veja vídeos

Em alguns locais no Brasil o termômetro chegou a registrar -2,8ºC

JC Estadão Conteúdo
JC
Estadão Conteúdo
Publicado em 21/08/2020 às 0:17
Notícia
REPRODUÇÃO
Registro de neve na cidade de Gramado, no Rio Grande do Sul - FOTO: REPRODUÇÃO
Leitura:

E não é que nevou mesmo no Brasil?! Nesta quinta-feira (20), cidades do Rio Grande do Sul e Santa Catarina registraram o fenômeno meteorológico e, claro, quem estava no local aproveitou a oportunidade. Segundo a MetSul Meteorologia, o evento aconteceu por conta de uma massa de ar frio, conhecida como massa polar, que se aproximou do Sul e Sudeste do País, e que deverá causar um "frio excepcionalmente forte, abrangente e histórico" até o fim de semana.

>> Onda de frio histórica deve derrubar temperaturas no Brasil, com neve e geada

>> Evento histórico pode fazer nevar em São Paulo, diz instituto de meteorologia

Algumas cidades da serra gaúcha, no Rio Grande do Sul, tiveram os primeiros registros de neve ainda de tarde. De forma tímida, os flocos foram avistados em Gramado, São Francisco de Paula e Riozinho. Já a incidência de "chuva congelada" foi registrada em mais de 20 cidades como Caxias do Sul, Canela e Bento Gonçalves. Em São José dos Ausentes, na Serra do Rio Grande do Sul, os termômetros registraram 1ºC, no início da noite. Já na cidade de Bom Jardim da Serra e São Joaquim, ambas em Santa Catarina, as mínimas foram de -2,8C e -0,93ºC, nessa ordem, por volta das 21h, disse a Epagri/Ciram.

 

 

 

 

 

Onda fria no Brasil

De acordo com o meteorologista Roni Guedes, da Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac), o sistema se desloca associado a uma frente fria, que, sozinha, não é rara na região sul. “Quanto mais ao sul, próximo à Argentina, mais comum são as frentes frias. O que acontece nesse caso é que ela vem acompanhada da massa polar, vinda da Antártida. Costuma acontecer todo ano na região. Mas, enquanto a maioria fica restrita entre Argentina e sul do Brasil, essa deve subir mais a norte e atingir Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo”, explicou.

Por isso, esses estados deverão sentir mais intensamente a variação na temperatura. No sul, a previsão é de temperaturas abaixo de zero, com neve e granizo. Já São Paulo deverá registrar uma variação em torno de 10 º C.

 

Comentários

Últimas notícias