PERSEGUIÇÃO

Lázaro Barbosa, serial killer do DF, faz mais um refém e troca tiros com a polícia

O suspeito está foragido há 7 dias e sua busca já mobiliza mais de 200 policiais

Douglas Hacknen
Douglas Hacknen
Publicado em 15/06/2021 às 21:00
Notícia
REPRODUÇÃO/POLÍCIA CIVIL
SUSPEITO Fugitivo teria roubado casa semanas antes de assassinato - FOTO: REPRODUÇÃO/POLÍCIA CIVIL
Leitura:

O serial killer Lázaro Barbosa, de 32 anos, fez mais um refém nesta terça-feira (15). Procurado pela polícia desde que teria cometido um triplo assassinato em Ceilândia, no Distrito Federal, ele também trocou tiros com policiais em uma rodovia em Edilândia, no entorno do DF, ferindo um agente. Lázaro chegou a ser cercado pelas forças de segurança, mas ainda não foi preso.

O secretário de Segurança Pública do Estado de Goiás (SSP-GO), Rodney Rocha Miranda, durante coletiva de imprensa nesta terça informou que Lázaro pretendia "levar a família para a beira do rio, obrigar a tirar a roupa e matar a todos", disse. Após a chegada dos dois policiais, houve troca de tiros. Um dos PMs foi baleado no rosto. A vítima foi transferida para o Hospital de Anápolis pelo helicóptero do Corpo de Bombeiros.

Foragido há 7 dias, durante a manhã desta terça-feira (15), o suspeito foi flagrado por câmeras de segurança de uma fazenda.

“Ele estava com uma jaqueta, bermuda, uma blusa e uma botina. Estava com uma mochila nas costas, mas não vi qualquer machucado. Não havia nada aparente. Ele dormiu na cama que eu descanso e não ficou marca de sangue. Só suja de terra. Se estava armado, a arma estava dentro da mochila”, disse o caseiro da chácara.

Segundo o homem, Lázaro pediu um prato de comida e afirmou estar com fome. “Pedi para ele aguardar eu prender os bezerros e trazer as vacas que iria arrumar um prato de comida para ele. Cheguei a falar que comida não se negava a ninguém. A minha intenção era dar a comida para despistar e segurar ele. Mas ele não esperou. Eu o vi saindo pela mata. É muito esperto”, contou.

 

O homem mais procurado do Distrito Federal, atualmente, é o baiano Lázaro Barbosa Sousa, de 32 anos. Nascido em Barra do Mendes, onde ele cometeu ao menos dois assassinatos, o serial killer  - termo utilizado por internautas para se referir sobre o caso -, mudou de estado para dar sequência a sua empreitada criminosa.

Linha do tempo dos crimes

  • 2007

Preso em Barra Mendes, na Bahia, pelo crime de duplo homicídio, mas fugiu da prisão depois de 10 dias, sendo considerado foragido desde então.

  • 2009

Preso no DF pelos crimes de roubo, estupro e porte de arma.

  • 2013

Laudo aponta características de personalidade como "agressividade, ausência de mecanismos de controle, dependência emocional, impulsividade".

  • 2014

Passa para o semiaberto e é beneficiado com trabalho externo.

  • 2016

Foge da unidade prisional do regime semiaberto.

  • Março de 2018

Lázaro é recapturado.

  • Julho de 2018

Foge do Presídio de Águas Lindas de Goiás (GO).

  • 2019

Justiça expediu novo mandado de prisão.

  • 2021

26 de abril: Lázaro teria invadido uma casa no Sol Nascente.

17 de maio: fez uma família refém na mesma região.

9 de junho: teria cometido um triplo homicídio em uma chácara, no Incra 9, em Ceilândia (DF).

10 de junho: rendeu o proprietário de uma fazenda, a filha dele e o caseiro.

12 de junho: Polícia encontra corpo de vítima no Córrego da Cascalheira, localizado no meio da mata entre a BR-070 e a DF-180.

13 de junho: furtou um carro e o abandonou na BR-070, depois, ele continuou a fuga, pela mata.

14 de junho: Polícias do DF e de Goiás fizeram um cerco em 34 propriedades rurais da região e continuaram as buscas

 

Comentários

Últimas notícias