CAMINHONEIRO

O caminhoneiro bolsonarista Zé Trovão foi preso?

Ele é acusado de promover, através das redes sociais, a incitação de atos de caráter golpista contra o Congresso Nacional e o STF

Vanessa Moura
Vanessa Moura
Publicado em 09/09/2021 às 11:19
Reprodução/Twitter
Marcos Antonio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão, é caminhoneiro e apoiador do presidente Jair Bolsonaro - FOTO: Reprodução/Twitter
Leitura:

O caminhoneiro e youtuber bolsonarista Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como "Zé Trovão", continua foragido e não deve se entregar à justiça, segundo informou seu próprio advogado, Levi de Andrade, em entrevista ao UOL. Há pouco Zé Trovão avisou que continuará em fuga e orientou, por meio das redes sociais, que os bolsonaristas devem "invadir Brasília". Mais cedo, ele falou que estava cansado de fugir e que esperaria a polícia prendê-lo, em um hotel no México.

Em um vídeo ele informou que a embaixada brasileira já entrou em contato com o hotel em que eu ele estava hospedado e, que, a qualquer momento a polícia iria recolher ele. Duas horas e meia depois ele fez uma nova gravação e afirmou que iria continuar fugindo e recomendou aos bolsonaristas que entrem em Brasília para colocar pressão no senado e no presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (DEM-MG).

LEIA MAIS

Saiba quem é Zé Trovão, caminhoneiro bolsonarista procurado pela PF por incitar atos golpistas

STF proíbe aproximação deSérgio Reis, Zé Trovão e alvos da PF da Praça dos Três Poderes

"O que eu posso dizer é que meu cliente não vai se entregar —apesar da defesa orientá-lo a cumprir a decisão judicial. Ele está em um lugar seguro. Ele muda de lugar a cada seis horas e de carro também. Ele sabe que a qualquer momento pode ser preso, mas está preparado psicologicamente", afirmou o advogado.

Zé Trovão é procurado pela Polícia Federal desde a sexta-feira (3), quando teve sua prisão solicitada pela Procuradoria-Geral da República (PGR), e determinada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Ele é acusado de promover, através das redes sociais, a incitação de atos de caráter golpista contra o Congresso Nacional e o STF. 

Além de estar foragido, o youtuber descumpriu a decisão do Supremo que o proibia de participar de transmissões ao vivo ou aparecer em redes sociais de terceiros, já que as dele estão bloqueadas por decisão da Suprema Corte. Na segunda-feira (6), o bolsonarista publicou um vídeo onde desafia Alexandre de Moraes.

"Alexandre de Moraes, você pode até tentar me buscar, meu irmão, não adianta você me prender não, porque o Brasil ganhou, Alexandre de Moraes! Você perdeu, Alexandre de Moraes! Você não é mais nada! Esses ministros que acabaram com a nossa Justiça", diz ele no vídeo. 

LEIA MAIS

Caminhoneiros hoje: veja situação das estradas pelo Brasil, com bloqueios em ao menos 16 estados

Caminhoneiros hoje: veja quais rodovias estão com bloqueio em Pernambuco

Foragido, Zé Trovão desafia Alexandre de Moraes a prendê-lo; veja vídeo

Alvo da PF, Zé Trovão provoca Alexandre de Moraes e diz que estará na Avenida Paulista

Já na noite desta quarta-feira (8), em um vídeo publicado no Twitter, Zé Trovão apareceu incitando outros caminhoneiros a bloquearem rodovias e "fecharem tudo" neste dia 9.

"A partir das seis horas de amanhã, do dia 9 de setembro, todas as bases brasileiras: fechem tudo, não passa mais nada. Somente ambulância, oxigênio e remédio. Acabou, não passa mais nada. Estão brincando com a democracia, nos tirando de otário. Nós precisamos resolver o problema do Brasil, agora, nesta semana. Chegou a hora de mudarmos tudo de uma vez. Povo brasileiro: vá amanhã para as ruas ajudar os caminhoneiros. É para trancar tudo. Vamos embora. Vamos salvar o Brasil. Fecha tudo", pediu.

 

Comentários

Últimas notícias