EMPATIA

250 crianças em situação de vulnerabilidade terão dia especial

ONG Visão Mundial levará crianças para parque de diversões em Olinda

Isabela Veríssimo
Isabela Veríssimo
Publicado em 27/04/2018 às 11:57
Credito: Acervo/Visão Mundial
ONG Visão Mundial levará crianças para parque de diversões em Olinda - FOTO: Credito: Acervo/Visão Mundial
Leitura:

Na próxima sexta-feira (27), a partir das 14h, cerca de 250 crianças de 10 a 16 anos das comunidades do Córrego do Jenipapo, Passarinho, Nova Descoberta, Aritana e Guabiraba, vão ter uma tarde de diversão no parque de diversões Mirabilandia, localizado no bairro de Salgadinho, em Olinda. A ação é realizada pela ONG Visão Mundial, organização não governamental especializada na proteção à infância.

O contexto das crianças atendidas é de extrema vulnerabilidade em áreas periféricas do Recife com índices alarmantes de violência. Muitas vezes, a infância é marcada por exploração sexual, abuso, trabalho infantil e privação ao acesso básico de saúde, educação, saneamento e moradia. “A maioria dessas crianças sonham com esse momento porque elas não têm espaços de lazer e acesso a um parque”, conta Kess Jones, coordenador dos projetos da Visão Mundial em Recife.

Além de proporcionar um momento de lazer, a ação tem o objetivo de conscientizar as crianças sobre a garantia dos direitos. “Mais que um momento de diversão, esse é o tempo de formação cidadã das crianças e adolescentes que atendemos”, afirma Kess.

João Guilherme, 11, é uma das crianças atendidas pela Visão Mundial em Recife e está ansioso para ir ao parque. “Nunca fui ao Mirabilandia porque minha família não tem condições de me levar, mas quero muito ir à montanha russa e brincar muito com meus amigos”, conta.

RECORDE NEGATIVO PARA PERNAMBUCO

Segundo o Disque Denúncia, em 2016, Pernambuco ficou em terceiro lugar do ranking de denúncias sobre violência sexual contra pequenos e adolescentes. Os dados foram divulgados pela Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos, vinculada ao Ministério da Justiça e Cidadania. No ano passado, 609 crianças (entre zero e onze anos) sofreram violência sexual no Estado, de acordo com a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco.

VISÃO MUNDIAL

Em Recife, a Visão Mundial atende mais de 1.000 crianças e adolescentes com projetos na área de educação em parceria com escolas públicas por meio do Conexão Escola, metodologia de prevenção à violência e fortalecimento psicosocial-emocional e cognitivo da criança. Durante a semana, a ONG recebe cerca de 70 crianças na sede dos projetos, localizada na comunidade de Guabiraba, e oferece aulas de música com rabeca e violão, além de oficinas para estimular práticas de leitura e escrita das crianças e adolescentes.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias