ZONA OESTE

'Com certeza tinham informação privilegiada', diz coronel sobre roubo na Zona Oeste

Segundo o coronel Menezes, proprietário de uma empresa de segurança, ação como a que aconteceu na empresa Brinks já estava sendo esperada

JC Online
JC Online
Publicado em 21/02/2017 às 10:33
Divulgação
FOTO: Divulgação
Leitura:

Em entrevista à Rádio Jornal, o coronel Menezes, proprietário da Nordeste Segurança de Valores, destacou que o grupo que atacou uma empresa de transporte de valores e aterrorizou a Zona Oeste do Recife, nesta terça-feira (21), deve ter obtido informações privilegiadas sobre o local. "O que é pior em um assalto como esse é que eles sabiam exatamente onde estava o cofre. Com certeza eles tinham informações privilegiadas a respeito da configuração dessa base que foi assaltada".

De acordo com o coronel, que também é consultor de segurança privada, uma ação do tipo estava sendo esperada
no Grande Recife há algum tempo porque drones foram vistos sobrevoando empresas. "Informes que circularam recentemente davam conta de que estavam fazendo levantamentos de plantas de empresas transportadoras pela observação de drones sobrevoando duas bases na Região Metropolitana". 

Ao ser questionado sobre o número de homens que trabalhavam na segurança do local, Menezes afirmou que não tinha a informação e o dado é sigiloso. "Posso dizer que não um efetivo numeroso porque a segurança das empresas que transportam e custodiam valores é feita muito mais a base de anteparos, de caixas-fortes, de sistemas de sguranças que reagem a tentativas de violação."

Em uma ação cinematográfica, cerca de 30 criminosos armados com metralhadores e fuzis aterrorizaram moradores da Zona Oeste do Recife, na madrugada desta terça-feira  (21). Arrombamento do cofre de uma empresa de transporte de valores, no bairro de Areias, envolveu intensa troca de tiros, três policiais feridos, muita destruição e carros incendiados. Até o momento, ninguém foi preso.

Grupo roubou R$ 60 milhões de empresa de segurança, diz tenente

Durante a ação que aterrorizou a Zona Oeste do Recife, na madrugada desta terça-feira (21), criminosos teriam roubado aproximadamente R$ 60 milhões de uma empresa de transporte de valores localizada na Avenida Recife, no bairro da Estância. A informação foi fornecida pelo tenente Gleidson Gonçalves, do 11º Batalhão da Polícia Militar, à Rádio Jornal. "Os informes são de que eles chegaram a explodir o cofre. Não tenho como afirmar com certeza, mas foram levados cerca de R$ 60 milhões".

Divulgação
Carro incendiado na Avenida Doutor José Rufino - Divulgação
Divulgação
Pelo menos 15 homens roubaram uma empresa de segurança e transporte de valores na Avenida Recife - Divulgação
Divulgação
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Divulgação
Divulgação
Vários carros foram incendiados par dificultar o acesso da polícia - Divulgação
Bobby Fabisak/JC Imagem
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Três carros foram incendiados para dificultar o acesso da polícia - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Três carros foram incendiados para dificultar o acesso da polícia - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Empresa de segurança e transporte de valores roubada na Avenida Recife - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Empresa de segurança e transporte de valores roubada na Avenida Recife - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Três carros foram incendiados para dificultar o acesso da polícia - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Três carros foram incendiados para dificultar o acesso da polícia - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Carros incendiados estavam na Avenida Recife e na Avenida Doutor José Rufino - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Loja de conveniência de um posto próxima à empresa também foi atacada - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Loja de conveniência de um posto próxima à empresa também foi atacada - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Loja de conveniência de um posto próxima à empresa também foi atacada - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Loja de conveniência de um posto próxima à empresa também foi atacada - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Carros incendiados estavam na Avenida Recife e na Avenida Doutor José Rufino - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Carros incendiados estavam na Avenida Recife e na Avenida Doutor José Rufino - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Loja de conveniência de um posto próxima à empresa também foi atacada - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Loja de conveniência de um posto próxima à empresa também foi atacada - Bobby Fabisak/JC Imagem
Divulgação
Munição usada no assalto à empresa de segurança e transporte de valores na Avenida Recife - Divulgação
Divulgação
Munição usada no assalto à empresa de segurança e transporte de valores na Avenida Recife - Divulgação
Bobby Fabisak/JC Imagem
Casa de moradora atingida pelas explosões - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Local exato onde bandidos explodiram duas paredes atrás do posto de gasolina - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Um dos carros incendiados na ação - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Bobby Fabisak/JC Imagem
Bobby Fabisak/JC Imagem
Tiroteio começou por volta das 3h30 e durou até as 4h30 - Bobby Fabisak/JC Imagem


O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias