Homicídio

Ambulante é morto em frente à estação Werneck, em Jardim São Paulo

Rafael Júnior da Silva, de 34 anos, trabalhava em frente à estação de metrô Werneck vendendo espetinhos e cerveja quando suspeitos em um carro verde atiraram contra ele

Jennifer Thalis
Jennifer Thalis
Publicado em 02/02/2018 às 0:34
Foto: Edson Araújo/TV Jornal
Rafael Júnior da Silva, de 34 anos, trabalhava em frente à estação de metrô Werneck vendendo espetinhos e cerveja quando suspeitos em um carro verde atiraram contra ele - FOTO: Foto: Edson Araújo/TV Jornal
Leitura:

Um ambulante foi morto a tiros em frente à estação de metrô Edgar Werneck na noite desta quinta-feira (02), em Jardim São Paulo, Zona Oeste do Recife.

De acordo com a Polícia Militar, Rafael Júnior da Silva, de 34 anos, trabalhava em frente à estação de metrô vendendo espetinhos e cerveja quando suspeitos em um carro verde atiraram contra ele. Rafael foi alvejado na cabeça, agonizou e morreu no local. Após os disparos, os assassinos fugiram no veículo.

Segundo a PM, Rafael era morador da comunidade do Capuá, no Recife, era casado e pai de dois filhos, um de 10 anos e outro de 12.

Segundo a esposa da vítima, ele nunca teve problemas com ninguém e nem foi preso. Ainda segundo ela, Rafael trabalhava a semana toda, ia do trabalho para casa e vendia espetinho na praia nos fins de semana.

O Instituto de Medicina Legal (IML) foi acionado para fazer a remoção do corpo da vítima.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias