FIM

Exposição Mestres da gravura deixa o IRB em breve

O último dia para visitar a mostra formada por 144 obras é o domingo (1/3)

Do JC Online
Do JC Online
Publicado em 25/02/2015 às 18:45
Glaysom Ramos/Divulgação
O último dia para visitar a mostra formada por 144 obras é o domingo (1/3) - FOTO: Glaysom Ramos/Divulgação
Leitura:

Obras de Albrecht Dürer (Alemanha), Rembrandt (Holanda) e Francisco de Goya (Espanha) estão entre as 144 peças reunidas na exposição Mestres da gravura, que está se despedindo do Instituto Ricardo Brennand (IRB). O último dia para visitá-la na pinacoteca do centro cultural localizado na Várzea é o domingo (1/3).

O público encontra criações de 64 artistas europeus, organizadas pelos países de origem deles. Assim, criou-se um circuito ao final da pinacoteca e o visitante passeia entre as coleções de gravuras italiana, alemã, holandesa, flamenga, francesa, inglesa, espanhola e portuguesa. 

As obras foram selecionadas entre os 30 mil itens do acervo da Fundação Biblioteca Nacional. O conjunto é formado por gravuras com temas diversos e técnicas como xilagravura e calcografia. A maneira como elas foram organizadas no IRB permite que as pessoas observem semelhanças e diferenças, além dos diferentes resultados obtidos com cada uma das técnicas e a riqueza de detalhes dos trabalhos.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias