The Walking Dead, Libertadores, Simpsons: Veja o que a Fox tira da Sky

Briga da programadora com a operadora de TV por assinatura exclui vários produtos de peso para os telespectadores

Foto: Facebook/Canal Fox/Reprodução
Briga da programadora com a operadora de TV por assinatura exclui vários produtos de peso para os telespectadores - FOTO: Foto: Facebook/Canal Fox/Reprodução

Desde às 18h do último domingo (5), a programadora Fox resolveu interromper o sinal de seus sete canais para os 5,2 milhões de assinantes da Sky. Com isso, espectadores das emissoras Fox Sports, Fox Sports 2, FX, Fox, Fox Life, National Geographic e Nat Geo Wild ainda não tem previsão de quando poderão assistir a esses canais novamente.

Após a suspensão, a Fox decidiu provocar os telespectadores nas redes sociais, mostrando aos clientes um videoclipe de programas que os assinantes da Sky perdem com esse corte. Entre eles, estão a Copa Libertadores da América, as séries Os Simpsons, 24: Legacy, Prison Break, Modern Family, Bones, Family Guy, além das estreias de Legion (prevista para o dia 9) e a segunda parte da 7ª temporada de The Walking Dead, agendado para o próximo domingo (12).

O impasse entre Fox e Sky ocorre por não ter chegado a um acordo comercial com a operadora. A programadora argumenta que "as condições comerciais e de distribuição oferecidas pela Sky estão abaixo dos valores de mercado e do valor e relevância do conteúdo que o público elege e desfruta". 

De acordo com o portal Notícias da TV, o corte neste domingo ocorreu apenas no Brasil, mas pode se estender pela América Latina durante a semana. Porém, uma nova rodada de negociações está marcada para esta segunda-feira (6).

BRIGA JÁ É REPRISE

Ainda segundo o Notícias da TV, a Sky não é a primeira operadora a sofrer pressão do grupo Fox: em fevereiro de 2016, a programadora tirou seus canais da Oi, afetando mais de 1 milhão de assinantes. Voltou ao ar uma semana depois. Em julho, a briga foi com a Net e a Claro, que somam 10 milhões de clientes na ocasião, o acordo foi feito antes de uma atitude mais drástica.

Confira a nota da Fox enviada à imprensa na noite deste domingo:

"A Fox Networks Group (FNG) Latin America informa aos seus fãs que, após vários meses de negociação para manter a distribuição de seus atuais canais Fox, FX, National Geographic, Nat Geo Wild, Fox Life, Fox Sports e Fox Sports 2, na plataforma da Sky, não conseguiu, infelizmente, chegar a um acordo. As condições comerciais e de distribuição oferecidas pela Sky estão abaixo dos valores de mercado e do valor e relevância do conteúdo que o público elege e desfruta.

A FNG Latin America pede desculpas aos seus fãs por esta situação e lhes garante que sempre estará aberta ao diálogo e fará o máximo para garantir que os fãs tenham acesso aos seus shows favoritos como The Walking Dead, Os Simpsons, Homeland, Legion, 24: Legacy, Prison Break, The Americans, Scream Queens, American Crime Story, American Horror Story, Modern Family, Genius, História de Deus, o conteúdo esportivo mais apreciado como a Copa Conmebol Libertadores Bridgestone ou produções originais  como 1 Contra Todos. Estes e centenas de horas de entretenimento seguirão à disposição do público no Brasil através de todos os demais sistemas de TV por assinatura
".

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias