Arruda

Derrotada, oposição do Santa Cruz se divide em justiça e fiscalização

Albertino dos Anjos e Fábio Melo foram os candidatos da oposição na eleição do Santa Cruz

Wladmir Paulino
Wladmir Paulino
Publicado em 05/12/2017 às 23:59
Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Albertino dos Anjos e Fábio Melo foram os candidatos da oposição na eleição do Santa Cruz - FOTO: Foto: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Leitura:

As duas chapas de oposição reagiram de formas distintas após a confirmação da eleição de Constantino Júnior para presidir o Santa Cruz nos próximos três anos. Albertino dos Anjos, da chapa Muda Santa Cruz, reiterou que, nesta quarta-feira (6) vai à Justiça. Ele não entrou em detalhes se vai pedir a anulação do pleito. Já Gláucio Frazão, candidato a vice na Santa Cruz do Povo, agradeceu os votos e garantiu que seu grupo vai fiscalizar e cobrar o novo mandatário.

"A gente não aceita esse tipo de conduta, que vem macular e manchar a história do Santa Cruz. Não vamos abrir mão de promover seriedade, respeito e transparência. Não aceitamos essa derrota e a partir de amanhã vamos judicializar essa eleição", afirmou.

SANTA CRUZ DO POVO

Fábio Melo precisou sair às pressas para atender seu pai, que sofrera um acidente. Por isso, o candidato a vice falou em nome da chapa. "Seremos oposição e faremos uma fiscalização contínua. Não vamos descansar até que seja exposta, de forma transparente, a situação do clube como foi apregoado por Constantino Júnior durante a campanha. Isso nossos 190 eleitores podem ter certeza que vamos fazer".

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias