Protagonista

Everton Felipe, do Sport, rouba a cena no Clássico das Multidões

Prata-da-casa rubro-negro é conhecido por "cutucar" equipes rivais

Felipe Holanda
Felipe Holanda
Publicado em 18/02/2017 às 8:30
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
FOTO: Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Leitura:

Sport e Santa Cruz têm elencos repletos de grandes jogadores. Magrão, Diego Souza, André, Rithely e Durval são alguns dos destaques do rubro-negro, enquanto Halef Pitbull, Elicarlos e Julio Cesar são os principais protagonistas do lado tricolor. No entanto, um jovem atleta conseguiu “roubar” o protagonismo do Clássico das Multidões com declarações apimentadas: o meia Everton Felipe. 

A insistência de Everton Felipe em “cutucar” os rivais do Sport foi tão grande que ele se tornou o principal personagem da partida antes de a bola rolar no Arruda. O meia, inclusive, prometeu uma comemoração especial caso balance as redes tricolores. No último clássico com o Santa Cruz, ano passado, pelo Brasileirão, Everton anotou um dos tentos da vitória leonina por 5x3 na Ilha do Retiro. 

Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Diego Nigro/JC Imagem
- Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem
- Foto: Alexandre Gondim / JC Imagem

REPERCUSSÃO 

Preocupado com a repercussão negativa que as gozações possam ter, o técnico Daniel Paulista confirmou que vem aconselhando o atleta de apenas 19 anos a ter um pouco mais de cuidado em suas declarações. 

“Nos dias de hoje, nós temos que ter um pouco de cuidado porque vivemos em um mundo de muita violência. Não só aqui no Recife, mas como em todo o País. Principalmente no futebol, a gente vê coisas terríveis acontecerem nos grandes jogos e temos que ter um cuidado para que não se transfira esse clima dos jogos para o extracampo. Sabemos que aquele torcedor que vai para o campo prestigiar e apoiar o seu clube não tem culpa. Por isso, a gente tem que ter esse cuidado", contou Daniel Paulista, passando a deixa para Everton Felipe.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias