PAREDÃO

Após falhar contra o Bragantino, Maílson comemora volta por cima na meta do Sport

Goleiro de 22 anos foi fundamental na vitória do time rubro-negro em cima do América-MG

Filipe Farias
Filipe Farias
Publicado em 21/05/2019 às 18:06
Notícia
Foto: JC Imagem
Goleiro de 22 anos foi fundamental na vitória do time rubro-negro em cima do América-MG - FOTO: Foto: JC Imagem
Leitura:

Um dos melhores em campo na vitória do Sport em cima do América-MG, o goleiro Maílson fez ao menos quatro defesas com elevado grau de exigência: três finalizações de Felipe Azevedo, além de uma do atacante Neto Berola. Diante de sua alta performance, o prata da casa já considera que essa foi uma das melhores atuações na sua curta carreira.

"Fico muito feliz pela partida que fiz contra o América-MG. Mas não só eu, como todo o time. Em relação ao jogo contra o Bragantino - quando falhou no gol sofrido pelo Sport -, todo goleiro pode errar. Então, procuro trabalhar todos os dias para que isso não aconteça mais", declarou Maílson. "Essa atuação diante do América-MG e a final do Pernambucano foram as melhores que fiz".

PRESSÃO

Sobre a pressão que vinha sofrendo por, em alguns momentos, passar insegurança debaixo das três traves, o camisa 32 encara com naturalidade. "Jogar em time grande sempre tem cobrança. Se faz uma partida boa, temos o direito a elogios. Mas se fizermos uma partida mais ou menos, a torcida também tem direito de cobrar. Time grande é isso. Temos de trabalhar para dar mais motivos para nos elogiarem", comentou.

Em 2019, Maílson já disputou 11 partidas (quatro pela Série B e sete pelo Pernambucano). Já na temporada, o prata da casa foi titular nas 13 últimas rodadas do Brasileirão.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias