EUA

Duas barragens e dique alagam e pioram situação em Houston

A liberação da água significa que mais casas e ruas ficarão alagadas

Estadão Conteúdo
Estadão Conteúdo
Publicado em 29/08/2017 às 14:28
Foto: Brendan Smialowski / AFP
A liberação da água significa que mais casas e ruas ficarão alagadas - FOTO: Foto: Brendan Smialowski / AFP
Leitura:

Duas barragens usadas como reservatórios há 70 anos para proteger o centro de Houston e um dique em uma área suburbana começaram a alagar nesta terça-feira (29), o que aumenta o temor de mais alagamentos causados pela tempestade tropical Harvey, após cinco dias consecutivos de chuva. Autoridades no condado de Brazoria advertiram que o dique nos Lagos Columbia, ao sul de Houston, foi rompido e que as pessoas deveriam deixar a área.

Engenheiros começaram a liberar água dos reservatórios Addicks e Barker na segunda-feira (28) para aliviar a pressão deles. Os dois reservatórios estão em nível recorde. A liberação da água significa que mais casas e ruas ficarão alagadas. Algumas residências estarão inundadas por até um mês, segundo Jeff Lindner, do condado de Harris.

Enquanto isso, mais de 17 mil pessoas buscam refúgio em abrigos do Texas, informou a Cruz Vermelha. A expectativa é que o número aumente. Já foram confirmadas três mortes oficialmente, mas há relatos não confirmados sobre desaparecidos e o número de prováveis mortos tem aumentado.

O desastre atinge grandes proporções, com Houston, a quarta maior cidade do país, em grande medida paralisada pela tempestade que atinge a costa do Golfo. Deve haver até 76 centímetros a mais de chuva em algumas áreas, o que gera um alerta em autoridades sobre o risco de mais problemas.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias