crise na venezuela

Macron classifica o governo de Maduro na Venezuela como 'ditadura'

Desde 4 de agosto, a Venezuela tem uma Assembleia Constituinte, que assumiu as funções do Parlamento

AFP
AFP
Publicado em 29/08/2017 às 8:30
Foto: JUAN BARRETO / AFP
Desde 4 de agosto, a Venezuela tem uma Assembleia Constituinte, que assumiu as funções do Parlamento - FOTO: Foto: JUAN BARRETO / AFP
Leitura:

O presidente da França, Emmanuel Macron, afirmou nesta terça-feira (29) que o presidente venezuelano Nicolás Maduro criou uma "ditadura" que está lutando para perpetuar-se no poder.

"Nossos cidadãos não entendem como algumas pessoas têm sido tão complacentes com o regime que está se estabelecendo na Venezuela. Uma ditadura que tenta sobreviver ao preço de um custo humano sem precedentes", disse Macron em seu primeiro grande discurso sobre política externa.

CRISE

A Venezuela enfrenta há vários meses uma profunda crise política e econômica, marcada pela escassez de alimentos e remédios, assim como por uma brutal inflação.

Desde 4 de agosto, o país tem uma Assembleia Constituinte, que assumiu as funções do Parlamento, controlado pela oposição, o que gerou muitas críticas da comunidade internacional. 

Quase 130 pessoas morreram em quatro meses de protestos que exigiam a saída de Maduro do poder.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias