Tragédia

Explosões em minas no Paquistão matam 23 pessoas

Cerca de duas explosões atingiram minas paquistanesas na madrugada do sábado para domingo, deixando mortos e feridos

Jennifer Thalis
Jennifer Thalis
Publicado em 06/05/2018 às 9:35
Foto: AFP
Cerca de duas explosões atingiram minas paquistanesas na madrugada do sábado para domingo, deixando mortos e feridos - FOTO: Foto: AFP
Leitura:

Vinte e três pessoas morreram e 11 ficaram feridas em explosões de gás em duas minas de carvão na mesma região do sudoeste do Paquistão, informaram neste domingo (6) autoridades locais.

Uma primeira explosão causada por metano ocorreu pouco antes da meia-noite, de sábado para domingo, em uma mina de Marwaarh, a leste de Quetta, capital da província de Baluchistão, na fronteira com o Irã e o Afeganistão.

Dezesseis dos 25 trabalhadores presentes na mina morreram, segundo Jawaid Shahwani, chefe da polícia de Quetta.

Três horas depois, uma explosão semelhante ocorreu em uma mina a 25 km de Spin Carez, deixando sete mortos. 

As condições de ventilação e segurança nas minas do Paquistão são frequentemente precárias.

Em março de 2011, pelo menos 43 mineiros morreram no Baluchistão quando uma mina de carvão desabou como resultado de uma explosão.

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Últimas notícias