Coluna Cena Politica

Reunião entre PDT e PSB em São Paulo pode enterrar candidatura de Túlio no Recife

A aproximação nacional do PSB com o PDT também vai refletir na escolha do vice de João Campos (PSB). Hoje, MDB e PDT têm interesse na vaga. Os pedetistas agora levam vantagem.

Igor Maciel
Igor Maciel
Publicado em 11/03/2020 às 15:48
Análise
Foto: Renato Araújo / ABr
Carlos Lupi e o PDT caminham para uma aliança nacional com o PSB e isso muda os planos de Túlio no Recife - FOTO: Foto: Renato Araújo / ABr
Leitura:

Igor Maciel, da coluna Cena Política

O PDT e o PSB vão colocar água no chopp do deputado Túlio Gadelha (PDT). Nesta quinta-feira (12) acontece uma reunião que deve começar a reforçar a aliança entre os dois partidos, nacionalmente.

O que será anunciado nesse encontro deve refletir em uma aproximação ainda maior de socialistas e pedetistas em outros Estados. O governador Paulo Câmara (PSB), por exemplo, deve participar do anúncio.

citamos aqui: o maior interesse do presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, nunca foi a candidatura de Túlio no Recife, mas a vice de João Campos (PSB) na chapa majoritária da Frente Popular.

Para esta vaga ele até já tem o nome de Isabella de Roldão (PDT), atual secretária de Habitação da prefeitura, como nome preferencial. Mas, não é só Túlio quem vê os planos sendo desfeitos para a eleição. Murilo Cavalcanti (MDB), secretário de Segurança Urbana do Recife, também coloca o nome à disposição para a vice.

Agora, a vantagem é do PDT.

LEIA MAIS TEXTOS DA COLUNA CENA POLÍTICA

O jornalismo profissional precisa do seu suporte. Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias