COLUNA ENEM E EDUCAÇÃO

UPE decide adiar provas do SSA para 2021 por causa da pandemia

Provas do SSA 3, para alunos do 3º ano, serão realizadas em janeiro. No SSA 1 e SSA 2, voltados para estudantes dos 1º e 2º anos, testes acontecerão em até a primeira semana de fevereiro.

Margarida Azevedo
Margarida Azevedo
Publicado em 28/05/2020 às 11:56
Notícia
Felipe Ribeiro/JC Imagem
No vestibular seriado, o SSA , alunos fazem provas três vezes, ao final de cada série do ensino médio - FOTO: Felipe Ribeiro/JC Imagem
Leitura:

As provas do Sistema Seriado de Avaliação (SSA), da Universidade de Pernambuco (UPE), serão realizadas somente em 2021, devido à pandemia do novo coronavírus. Os alunos do 3º ano do ensino médio, que fazem o SSA 3, farão os testes em janeiro, enquanto os dos 1º e 2º anos, participantes do SSA 1 e SSA 2, respectivamente, terão a avaliação também em janeiro ou até a primeira semana de fevereiro. A proposta de adiar o processo seletivo, que normalmente acontecia em novembro e dezembro, foi aprovada por unanimidade na manhã desta quinta-feira (28) pelo Conselho Universitário (Consun), instância máxima da UPE.

"Não definimos as datas do SSA porque o calendário do Enem ainda está em aberto. Temos um esboço com sugestões de datas, mas só faz sentido fecharmos isso quando houver um posicionamento do Ministério da Educação em relação às datas das provas do Enem", justifica o reitor da UPE e presidente do Consun, Pedro Falcão. O MEC já anunciou que no final de junho realizará uma enquete com os inscritos no Enem para que votem em datas de realização do exame, previsto para ocorrer em dezembro ou janeiro.

"Com as datas do Enem divulgadas, votaremos na reunião do Consun de junho o cronograma do SSA. Ou numa reunião extraordinária no início de julho, já que os encontros do Conselho Universitário são sempre na última semana de cada mês", explica Pedro. As inscrições no Enem acabaram quarta-feira (27) e o pagamento da taxa (R$ 85) deve ser realizado ate esta quinta-feira (28).

SEM MUDANÇAS

Segundo o pró-reitor de graduação da UPE e presidente da comissão de vestibular, Ernani Martins, o conteúdo das provas e o formato delas serão os mesmos. Havia uma perspectiva de realizar algumas mudanças, mas por causa da pandemia essas alterações não vão ocorrer este ano. Uma das justificativas é a suspensão das aulas presenciais nas escolas pernambucanas desde 18 de março.

"Entendemos que não é justo, diante dos impactos da pandemia, promover qualquer mudança no SSA este ano", diz Ernani. Ele informa que o valor da inscrição, R$ 100, está mantido. A previsão da UPE é fechar o edital do SSA até julho, já com as datas das provas, para que as inscrições aconteçam em agosto. Em outros anos, o edital foi aprovado em maio.

No modelo seriado, os alunos realizam três provas, ao final de cada série do ensino médio. Com o resultado das três avaliações é calculada uma média. Com essa nota o candidato concorre a vagas de graduação. A UPE destina metade das vagas para o SSA (1.740). A outra metade é preenchida pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), coordenado pelo MEC e que usa as notas do Enem.

DATAS

Em outros anos, as provas do SSA ocorreram em dois dias, um domingo e uma segunda-feira. Embora ache pouco provável de acontecer, Ernani diz que os testes poderão ser marcados em outros dias da semana.

"Nós dependemos da disponibilidade de prédios para realizar as provas", explica o pró-reitor. A UPE utiliza seus prédios próprios e escolas da rede estadual. Como em janeiro existe a possibilidade de haver aulas na educação básica, referentes ao ano letivo de 2020, isso pode dificultar a definição dos locais de provas.

"O nosso desejo é realizar na melhor data e dia para todos. Mas tudo isso vai depender do que teremos disponível na época", observa Ernani. Em janeiro de 2021 há cinco domingos, nas seguintes datas: 3, 10, 17, 24 e 31. O primeiro domingo de fevereiro é o dia 7.

 

 

 

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias