Punição

PM punido por se apropriar de carga de cigarros avaliada em R$ 250 mil no Recife

O secretário de Defesa Social, Antônio de Pádua, determinou a exclusão do policial militar da corporação

Raphael Guerra
Raphael Guerra
Publicado em 01/03/2021 às 9:58
Notícia

PCPE/Divulgação
O policial militar e mais dois civis foram descobertos em abril de 2018 com a carga de cigarros contrabandeada - FOTO: PCPE/Divulgação
Leitura:

Após quase três anos de investigações, um soldado da Polícia Militar de Pernambuco foi punido pela acusação de se apropriar de uma carga ilegal de cigarros avaliada em R$ 250 mil no Recife. Dois policiais civis também teriam participado da ação. Em portaria publicada na última semana, o secretário de Defesa Social (SDS), Antônio de Pádua, determinou a exclusão do PM da corporação.

De acordo com as investigações, o PM e os civis teriam detido, sem ordem judicial, um casal que estava com a carga de 130 mil cigarros contrabandeados do Paraguai. A investigação apontou que os policiais não pretendiam levar o material irregular para a delegacia, mas revender para o mercado clandestino no Estado. A apreensão foi feita no dia 04 de abril de 2018, no bairro de Jardim São Paulo, Zona Oeste do Recife. Na ocasião, os policiais foram presos por peculato e associação criminosa e o dono da mercadoria também foi autuado pelo contrabando. 

Em paralelo ao processo criminal, os policiais responderam a processo administrativo na Corregedoria da SDS. A decisão em relação à punição do PM Mário Gomes Leal Teixeira foi publicada no boletim da secretaria. 

 

 

Comentários

Últimas notícias