INSEGURANÇA

Onda de assaltos praticados por motoqueiros amedronta moradores da Iputinga, no Recife

Com aumento dos roubos no bairro, ofício enviado à SDS cobra mais policiamento e também instalação de câmera de segurança

Raphael Guerra
Raphael Guerra
Publicado em 07/07/2021 às 7:00
Notícia
REPRODUÇÃO/GOOGLE STREET VIEW
Cruzamento da Avenida Maurício de Nassau com a Estrada do Barbalho, na Iputinga - FOTO: REPRODUÇÃO/GOOGLE STREET VIEW
Leitura:

Moradores do bairro da Iputinga, na Zona Oeste do Recife, estão assustados com a onda de assaltos. Segundo relatos, a maioria das abordagens é feita por homens em motos. Armados, eles exigem dinheiro e pertences das vítimas. Há casos também em que os autores dos roubos passam pelas ruas de bicicleta. Pegam o que podem das vítimas e seguem viagem tranquilamente. 

Entre os pontos onde há o maior número de abordagens, de acordo com moradores, estão a Avenida Maurício de Nassau e a Estrada do Barbalho. Por causa disso, um ofício foi encaminhado à Secretaria de Defesa Social (SDS) pedindo a instalação de uma câmera de segurança no cruzamento entre as duas vias para tentar inibir a violência.  

No relato, há informações que transeuntes e comerciantes da área, além de funcionários da Fundação Altino Ventura, estão sendo vítimas de abordagens criminosas com frequência. 

Procurada pela coluna Ronda JC, a Polícia Militar de Pernambuco informou que rondas na localidade serão intensificadas.

"A Polícia Militar de Pernambuco informa, através do 13º BPM, que o policiamento é realizado através de guarnições táticas e motopatrulheiros, além de contar com o apoio do Grupo Tático Itinerante (GATI) e da Operação Zodíaco. O comandante da unidade tomou conhecimento da denúncia e intensificará as rondas na localidade. Em caso de emergência policial, a população pode ligar para o 190, com intuito de intensificar o policiamento e reprimir ou inibir práticas delitivas", diz a nota.

INVESTIGAÇÕES

Sobre as investigações de assaltos, a Polícia Civil declarou que "está tomando as devidas providências com relação aos casos que foram registrados na Delegacia do Cordeiro, que atende a área da Iputinga. Cidadãos que foram vítimas de roubo na área devem procurar a delegacia para registrar boletim de ocorrência, o que colabora para robustecer as investigações em curso".

Por fim, a SDS informou à coluna que "quanto às câmeras de segurança, não é possível informar detalhes, a fim de não prejudicar questões estratégicas de segurança". Reforçou ainda que "esse recurso está sendo utilizado diariamente na prevenção e repressão aos crimes no Estado". 

Comentários

Últimas notícias