PANDEMIA

Apesar de aumento de casos graves da covid-19, Pernambuco segue com número baixo de confirmações, diz SES-PE

A pasta notou redução na solicitações de vagas de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e informou que a positividade geral para a covid-19 está oscilando entre 8% e 6% em Pernambuco

Katarina Moraes
Katarina Moraes
Publicado em 20/09/2021 às 11:14
Notícia
FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Com a alta de casos de síndrome respiratória aguda grave (srag), o acumulado da última semana epidemiológica volta a patamar de julho - FOTO: FELIPE RIBEIRO/JC IMAGEM
Leitura:

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) reiterou nesta segunda-feira (20) que, apesar do aumento de casos graves de covid-19 pela terceira semana consecutiva, Estado continua em estabilidade em ocupação de leitos e de positividade para a doença. Por nota, a pasta reiterou que a "análise do cenário epidemiológico é feita com base em uma série de indicadores e nunca olhando um dado de forma isolada".

Com a alta de casos de síndrome respiratória aguda grave (srag), o acumulado da última semana epidemiológica (de 12 a 18 de setembro), a de número 37, volta a patamar de julho (25 a 31 daquele mês) - semana de número 30, quando foram notificados 508 casos de srag - seis a menos do que a 37ª semana (com 514 registros).

A SES-PE apontou, entretanto, que houve redução na solicitações de vagas de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), e que a positividade geral para a covid-19 está oscilando entre 8% e 6% em Pernambuco. A explicação foi a mesma que o secretário Estadual de Saúde, André Longo, fez na última coletiva de imprensa, na quinta-feira (16).

"Por fim, a SES-PE destaca que a Pandemia ainda não acabou e o caminho para continuar reduzindo os indicadores e para avançar na retomada das atividades é a vacinação completa, com duas doses, e a manutenção do cuidado, com o uso correto da máscara, o distanciamento físico e o cumprimento dos protocolos."

Comentários

Últimas notícias