Fomento

Fundarpe lança os editais do Funcultura da Música e do Microprojeto Cultural

Em 2021, as inscrições serão inteiramente digitalizadas

JC JC
JC
JC
Publicado em 05/01/2021 às 12:57
Notícia

Reprodução
Neste primeiro momento, a inscrição presencial acontecerá no Teatro Arraial Ariano Suassuna - FOTO: Reprodução
Leitura:

O Governo de Pernambuco lançou, nesta terça-feira (5), os editais Microprojeto Cultural 2020-2021 e 5º Funcultura da Música 2020/2021. As inscrições para a seleção pública de projetos culturais este ano serão 100% digitalizadas. Criado há 17 anos, o Funcultura envolve, além da Fundarpe e da Secretaria de Cultura de Pernambuco (Secult-PE), instituições culturais e entidades da sociedade civil representativas da classe artística. Somados, esse dois editais irão ofertar R$ 4,8 milhões para a cadeia produtiva do setor.

Para participar da seleção dos dois editais, os proponentes deverão estar inscritos no Cadastro de Produtores Culturais (CPC) e ficarem atentos ao período de inscrição de cada um deles. No caso do Microprojeto Cultural 2020-2021, a submissão dos projetos poderá ser feita de 23 de março ao dia 2 de abril de 2021; e do 5º Funcultura da Música 2020/20121, de 3 a 14 de maio de 2021.

>> Leia também: Fundarpe anuncia inscrições digitais para os próximos editais do Funcultura

Ambos terão processo digitalizado de inscrição, por meio do Prosas (prosas.com.br), plataforma que facilita a seleção e o monitoramento de projetos culturais, além de universalizar o acesso ao fomento artístico por meio da internet.

Até o dia 15 de janeiro de 20121 (sexta-feira), serão publicados o Edital do Funcultura Geral 2020-2021 e os 14º e 15º Editais do Funcultura Audiovisual.

MICROPROJETO CULTURAL

Este edital é voltado para a produção de atividades artístico-culturais de baixo orçamento e é mais simplificado em sua forma de apresentação e de prestação de contas, podendo ser elaborado por pessoa física, jurídica sem fins lucrativos ou microempresário individual (MEI). Serão contempladas propostas de indivíduos, grupos e coletivos, formados por jovens (18 a 29 anos) de baixa renda, principalmente, de regiões ou cidades pernambucanas com baixo Índice de Desenvolvimento Humano (IDH); ou iniciativas de pessoas jurídicas sem fins lucrativos para a população jovem em situação de vulnerabilidade.

Totalizando um valor de investimento de R$ 640 mil, sendo R$ 15 mil o teto para cada projeto, o edital abrange iniciativas que se enquadrem em qualquer segmento cultural e que estejam distribuídos pelas macrorregiões do Estado. Os trabalhos devem ter como foco o desenvolvimento sociocultural do Estado, com a finalidade de promover a cidadania, a transmissão de saberes e a sustentabilidade econômica. Mais detalhes podem ser encontrados neste link.

5º FUNCULTURA DA MÚSICA 2020/2021

O 5º Edital do Programa de Fomento à Produção em Música de Pernambuco, o Funcultura da Música 2020/2021 irá disponibilizar o montante de R$ 4,16 milhões para projetos na área de música, o que garante o desenvolvimento da cadeia produtiva musical em suas diversas áreas. Os recursos são distribuídos em nove categorias: Circulação; Festivais; Gravação; Produtos e Conteúdos; Economia da Cultura; Difusão Da Rede de Equipamentos do Estado, geridos pela Secult/Fundarpe; Manutenção de Escolas de Bandas de Música e Corais; Formação e Capacitação; e Pesquisa. Mais informações aqui.

CPC

Os produtores interessados em se inscreverem ou regularizarem perante o CPC (Cadastro de Produtores Culturais), terão de fazê-lo, obrigatoriamente, até 14 de março de 2021, para estarem aptos a submeterem projetos nos editais deste ano. O cadastro e a renovação no CPC, deverão ser realizados através do endereço eletrônico cpc.funcultura@gmail.com. Confira o passo a passo para inscrição do CPC: www.cultura.pe.gov.br/pagina/funcultura/passo-a-passo-inscricao.

Comentários

Últimas notícias