ESCOLAS DE SAMBA

Veja qual escola de samba ganhou o Carnaval 2022 de São Paulo

A Mancha Verde desfilou com o tema "Planeta Água"

Amanda Azevedo
Cadastrado por
Amanda Azevedo
Publicado em 26/04/2022 às 18:28 | Atualizado em 26/04/2022 às 19:27
NELSON ALMEIDA / AFP
Escola de samba Mancha Verde - FOTO: NELSON ALMEIDA / AFP
Leitura:

Da Agência Brasil

A escola de samba Mancha Verde foi a vencedora do Carnaval de São Paulo. Em segundo lugar ficou a Mocidade Alegre e, em terceiro, a Império de Casa Verde. A apuração das notas do desfile das escolas de samba ocorreu na tarde desta terça-feira (26) no Sambódromo do Anhembi, na zona Norte da capital paulista.

A Mancha Verde, que entrou na passarela por volta de 0h45 do último sábado (23), cantou o samba-enredo Planeta Água.

O samba exaltou Iemanjá, orixá das águas salgadas, e destacou a água como um bem essencial à vida em todo o seu ciclo. Esse foi o segundo título da agremiação no Grupo Especial.

A escola da Barra Funda, na zona Oeste da capital, que tem sua origem como torcida organizada do Palmeiras, foi vice-campeã no último desfile, em 2020, e campeã em 2019.

Escola campeã do Carnaval do Rio de Janeiro

A Grande Rio é a campeã do carnaval do Rio do Grupo Especial, pela primeira vez em sua história. Com o enredo Fala, Majeté! Sete Chaves de Exu, a escola obteve nota 269,9.

Em segundo lugar, ficou a Beija-Flor. Com o enredo Empretecer o Pensamento é Ouvir a Voz da Beija-Flor, a escola obteve nota 269,6.

A terceira posição foi ocupada pela Viradouro, com o enredo Não há Tristeza que Possa Suportar Tanta Alegria. A escola teve nota 269,5. A quarta colocação coube à Vila Isabel, com o enredo Canta, Canta, Minha Gente! A Vila é de Martinho, com 269,3. A quinta posição ficou com a Portela, com Igi Osè Baobá, com nota 269,2. O sexto lugar coube ao Salgueiro, com o enredo Resistência, a escola obteve nota 268,3. As seis primeiras colocadas voltam no desfile das campeãs, no próximo sábado (30).

As demais posições ficaram com a Mangueira, em sétimo, com 268,2; a Mocidade, em oitavo, também com 268,2, mas atrás pelo critério de desempate; a Unidos da Tijuca, em nono, com 267,9; a Imperatriz Leopoldinense, em décimo, com 266,9. A Paraíso do Tuiuti ficou em décimo-primeiro, com 266,4. E a São Clemente, em décimo-segundo, com 263,7, foi rebaixada e disputará o próximo carnaval na Série Ouro.

Por não ser feriado, a apuração atraiu um público menor que nos anos anteriores. Ainda assim, torcedores de todas as escolas se fizeram presentes nas arquibancadas, com faixas e bandeiras. Até um cartaz em memória da menina Raquel Antunes, morta em um acidente com carro alegórico, foi levado por um torcedor

Em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, a quadra da Grande Rio ficou pequena para os milhares de torcedores, que comemoraram o título inédito.

Confira a classificação das escolas do Carnaval do Rio

  • Acadêmicos do Grande Rio - 269,9 (campeã)
  • Beija-Flor de Nilópolis - 269,6
  • Unidos do Viradouro - 269,5
  • Unidos de Vila Isabel - 269,3
  • Portela - 269,2
  • Acadêmicos do Salgueiro - 268,3
  • Estação Primeira de Mangueira- 268,2
  • Mocidade Independente de Padre Miguel- 268,2
  • Unidos da Tijuca - 267,9
  • Imperatriz Leopoldinense - 266,9
  • Paraíso do Tuiuti - 266,4
  • São Clemente - 263,7 (rebaixada)

Comentários

Últimas notícias