Economia criativa

Governo de Pernambuco prorrogou em 90 dias o pagamento de boletos para participação na XXI Fenearte

A prorrogação é uma tentativa de diminuir os impactos do novo coronavírus na realização do evento, programado para acontecer entre 1 e 12 de julho

Adriana Guarda
Adriana Guarda
Publicado em 26/03/2020 às 18:10
Notícia
Foto: Guga Matos/ JC Imagem
Em 2019, Fenearte realizou sua vigésima edição, com recorde na movimentação de negócios - FOTO: Foto: Guga Matos/ JC Imagem
Leitura:

O Governo de Pernambuco decidiu prorrogar por 90 dias o vencimento de todos os boletos em aberto para participação na 21ª Fenearte, programada para acontecer entre 1 e 12 de julho. A prorrogação é uma tentativa de diminuir os impactos do novo coronavírus na realização do evento. Com as medidas restritivas de fechamento do comércio, serviços e outros estabelecimentos, os artesãos também foram impactados. O Centro do Artesanato, no Bairro do Recife, fechou as portas desde o último dia 18 e não tem data para reabrir até que passe a fase de emergência da Covid-19 no Estado. Sem receita, os artesãos terão dificuldades em quitar os boletos. 

>> Fenearte recebe prêmio do Iphan após edição histórica em 201

>> Fenearte movimenta R$ 45 milhões e supera expectativa

A coordenação da Fenearte explica que a prorrogação diz respeito a todos os boletos emitidos pela Agência de Desenvolvimento Econômico do Estado (AD Diper) e ainda para aqueles financiados pela Agência de Empreendedorismo de Pernambuco (AGE). Para emissão dos novos boletos, é necessário que os expositores entrem em contato pelo fenearte@centrodeartesanato.pe.gov.br.

FEIRA 

Em 2019, a Fenearte movimentou R$ 45 milhões em negócios nos nos doze dias de duração do evento, que completou sua 20ª edição. O valor ficou R$ 3 milhões acima do que no ano anterior. De acordo com a organização, 300 mil pessoas visitaram o evento no Centro de Convenções de Pernambuco, em Olinda.

No total, cinco mil expositores participaram da feira, que ocupou 30 mil metros quadrados divididos em 800 estandes. Desse total, 70% foram de artesãos pernambucanos. A Fenearte também contou com a participação de 82 espaços ocupados por prefeituras de Pernambuco, reunindo a produção artesanal de diversas regiões do Estado.

Comentários

Últimas notícias