BENEFÍCIO

Confira calendário de pagamento das próximas parcelas do auxílio emergencial

Nesta segunda-feira (20), beneficiários do Bolsa Família começaram a receber a quarta parcela do benefício

Agência Brasil JC
Agência Brasil
JC
Publicado em 20/07/2020 às 12:30
Notícia
Marcello Casal JrAgência Brasil
O prazo de cadastramento para receber o auxílio emergencial terminou no dia 2 de julho - FOTO: Marcello Casal JrAgência Brasil
Leitura:

No último dia 17 de julho, o Ministério da Cidadania divulgou o calendário de pagamento das próximas parcelas do auxílio emergencial de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães chefes de família). O pagamento é divido em quatro ciclos, e segue o padrão dos anteriores, com datas de depósito na Poupança Social Digital e saques diferentes. Nesta segunda-feira (20), beneficiários do Bolsa Família cujo NIS termina em 1 foram os primeiros a receber a quarta parcela.

Confira o calendário 

Primeiro ciclo

O público beneficiário do auxílio emergencial que tenha recebido a primeira parcela em abril de 2020, receberá o crédito da quarta parcela em poupança social digital aberta em seu nome, de 22 de julho a 26 de agosto, conforme o mês de nascimento. Assim, nascidos em janeiro recebem no dia 22; em fevereiro, em 24 de julho; em março, 29 de julho; em abril, 31 de julho; em maio, 5 de agosto; em junho, 7 de agosto; em julho, 12 de agosto; em agosto, 14 de agosto; em setembro, 17 de agosto; em outubro, 19 de agosto; em novembro, 21 de agosto; e em dezembro, 26 de agosto. O saque em dinheiro será entre os dias 25 de julho e 17 de setembro.

Os beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em maio de 2020 receberão o crédito da terceira parcela em poupança social digital seguindo o mesmo cronograma acima.

Esse cronograma também será válido para os beneficiários que receberam a primeira parcela em junho de 2020 ou até 4 de julho de 2020. Nesse caso, será feito o crédito da segunda parcela.

E quem ainda não recebeu a primeira parcela, também receberá o crédito conforme esse cronograma. Esse é o caso dos beneficiários que tenham se cadastrado no programa entre os dias 17 de junho a 02 de julho de 2020.

Nascidos em janeiro: depósito em 22/07 e saque em 25/07
Nascidos em fevereiro: depósito em 24/07 e saque em 1/08
Nascidos em março: depósito em 29/07 e saque em 1/08
Nascidos em abril: depósito em 31/07 e saque em 8/08
Nascidos em maio: depósito em 5/08 e saque em 13/08
Nascidos em junho: depósito em 07/08 e saque em 22/08
Nascidos em julho: depósito em 12/08 e saque em 27/08
Nascidos em agosto: depósito em 14/08 e saque em 1/9
Nascidos em setembro: depósito em 17/08 e saque em 05/09
Nascidos em outubro: depósito em 19/08 e saque em 12/09
Nascidos em novembro: depósito em 21/08 e saque em 12/09
Nascidos em dezembro: depósito em 26/08 e saque em 17/09

Segundo Ciclo

Os beneficiários que receberam a primeira parcela em abril, terá o crédito da quinta parcela de acordo com o seguinte calendário: nascidos em janeiro, 28 de agosto; em fevereiro, 2 de setembro; em março, 4 de setembro; em abril, 9 de setembro; em maio, 11 de setembro; em junho, 16 de setembro; em julho, 18 de setembro; em agosto, 23 de setembro; em setembro, 25 de setembro; em novembro e outubro, 28 de setembro; e em dezembro, 30 de setembro. O calendário de saques será entre 19 de setembro e 27 de outubro.

Também seguem esse cronograma: beneficiários que receberam a primeira parcela em maio de 2020, receberão o crédito da quarta parcela nessas datas; beneficiários que receberam a primeira parcela em junho, recebem a terceira parcela; beneficiários que receberam a primeira parcela em julho, receberão o crédito da segunda parcela.

Nascidos em janeiro: depósito em 28/08 e saque em 19/09
Nascidos em fevereiro: depósito em 2/09 e saque em 22/09
Nascidos em março: depósito em 4/09 e saque em 29/09
Nascidos em abril: depósito em 9/09 e saque em 1/10
Nascidos em maio: depósito em 11/09 e saque em 6/10
Nascidos em junho: depósito em 16/09 e saque em 6/10
Nascidos em julho: depósito em 18/09 e saque em 8/10
Nascidos em agosto: depósito em 23/09 e saque em 13/10
Nascidos em setembro: depósito em 23/09 e saque em 15/10
Nascidos em outubro: depósito em 28/09 e saque em 20/10
Nascidos em novembro: depósito em 28/09 e saque em 22/10
Nascidos em dezembro: depósito em 30/09 e saque em 27/10

Terceiro Ciclo

Os beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em maio de 2020 receberão o crédito da quinta parcela em poupança social digital em: 9 de outubro, para nascidos em janeiro e em fevereiro; 16 de outubro, nascidos em março e abril; 23 de outubro, nascidos em maio e junho; 30 de outubro, nascidos em julho e agosto; 6 de novembro, nascidos em setembro e outubro; e em 13 de novembro, nascidos em novembro e dezembro. O saque em dinheiro será entre os dias 29 de outubro e 19 de novembro.

O calendário será válido para: beneficiário que recebeu a primeira parcela em junho e receberá a quarta parcela; beneficiário que tenha recebido a primeira parcela em julho de 2020 e receberá o crédito da terceira parcela.

Nascidos em janeiro e fevereiro: depósito em 9/10 e saque em 29/10
Nascidos em março e abril: depósito em 16/10 e saque em 3/11
Nascidos em maio e junho: depósito em 23/10 e saque em 10/11
Nascidos em julho e agosto: depósito em 30/10 e saque em 12/11
Nascidos em setembro e outubro: depósito em 6/11 e saque em 17/11
Nascidos em novembro e dezembro: depósito em 13/11 e saque em 19/11

Quarto ciclo

O público beneficiário do auxílio emergencial que tenha recebido a primeira parcela em junho de 2020 receberá o crédito da quinta parcela em poupança social digital em: 16 de novembro, para os nascidos em janeiro e fevereiro; em 18 de novembro, para nascidos em março e abril; em 20 de novembro, em maio e junho; em 23 de novembro, em julho e agosto; em 27 de novembro, em setembro e outubro; em 30 de novembro, nascidos em novembro e dezembro. O saque será entre os dias 26 de novembro e 15 de dezembro.

O calendário também é válido para os beneficiários que receberam a primeira parcela em julho de 2020. Eles receberão o crédito da quarta e quinta parcelas.

Nascidos em janeiro e fevereiro: depósito em 16/11 e saque em 26/11
Nascidos em março e abril: depósito em 18/11 e saque em 1/12
Nascidos em maio e junho: depósito em 20/11 e saque em 3/12
Nascidos em julho e agosto: depósito em 23/11 e saque em 8/12
Nascidos em setembro e outubro: depósito em 27/11 e saque em 10/12
Nascidos em novembro e dezembro: depósito em 30/11 e saque em 15/12

Bolsa Família

Já receberam 1ª, 2ª e 3ª parcela do auxílio. Parcelas que faltam: 4ª e 5ª. A 4ª parcela será paga entre 20 e 31 de julho; e a 5ª, entre os dias 18 e 31 de agosto.

Os pagamentos para inscritos no auxílio emergencial que já recebem o Bolsa Família seguem o calendário do próprio benefício. Para este grupo os últimos dois meses do benefício não será dividido. Portanto, mesmo que o valor seja o mesmo, apenas 5 parcelas serão pagas ao todo.

A data de pagamento aos beneficiários do Bolsa Família será realizada de acordo com o Número de Identificação Social (NIS). No dia 20 de julho, recebem os beneficiários que tiverem o NIS finalizado em 1. A última data de pagamento da quarta parcela para quem é cadastrado no programa social é no dia 31 de julho, para os que possuem NIS terminado em zero.

Quarta parcela
NIS final 1 - 20 de julho
NIS final 2 - 21 de julho
NIS final 3 - 22 de julho
NIS final 4 - 23 de julho
NIS final 5 - 24 de julho
NIS final 6 - 27 de julho
NIS final 7 - 28 de julho
NIS final 8 - 29 de julho
NIS final 9 - 30 de julho
NIS final 0 - 31 de julho

Quinta parcela
NIS final 1 - 18 de agosto
NIS final 2 - 19 de agosto
NIS final 3 - 20 de agosto
NIS final 4 - 21 de agosto
NIS final 5 - 24 de agosto
NIS final 6 - 25 de agosto
NIS final 7 - 26 de agosto
NIS final 8 - 27 de agosto
NIS final 9 - 28 de agosto
NIS final 0 - 31 de agosto

Nova análise

O prazo de cadastramento para receber o auxílio emergencial terminou no dia 2 de julho. Quem se cadastrou no prazo, e foi aprovado na análise feita pela Dataprev, receberá as cinco parcelas. No entanto, segundo o Ministério da Cidadania, uma nova análise será feita para saber se o auxílio será mantido. Não é necessário um novo cadastro. Veja quem pode ter o auxílio cortado:

- Trabalhador com carteira assinada;
- Quem recebeu o seguro-desemprego após ter o auxílio aprovado;
- Aposentado, pensionista do INSS, que começou a receber o auxílio-doença ou outros benefícios, com exceção do Bolsa Família;
- Quem fez uma contribuição ao INSS maior que R$ 3.145;
- Quem tem a renda familiar maior que três salários mínimos (R$ 3.145) ou se a renda mensal por pessoa seja maior que meio salário mínimo (R$ 522,5);
- Quem tem o CPF irregular.

https://jc.ne10.uol.com.br/economia/2020/07/11955575-confira-calendario-de-pagamento-das-proximas-parcelas-do-auxilio-emergencial.html

O jornalismo profissional precisa do seu suporte.

Assine o JC e tenha acesso a conteúdos exclusivos, prestação de serviço, fiscalização efetiva do poder público e muito mais.

Apoie o JC

Comentários

Últimas notícias