CERTAME

Saiba como se inscrever no concurso do IBGE com mais de 204 mil vagas e salários de até R$ 2,1 mil

O certame tem como objetivo a contratação temporária de profissionais para a realização do Censo Demográfico 2021

Marcelo Aprígio
Marcelo Aprígio
Publicado em 18/02/2021 às 8:51
Notícia
DIVULGAÇÃO
DISPOSITIVO Informações coletadas serão registradas no DMC - FOTO: DIVULGAÇÃO
Leitura:

O concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) destinado à contratação temporária de profissionais para a realização do Censo Demográfico 2021 foi reaberto nesta quinta-feira (18), com a publicação dos editais no Diário Oficial da União. Ao todo são mais de 204 mil vagas para diversas áreas e níveis de escolaridade. Os salários podem chegar a R$ 2,1 mil. Em Pernambuco, serão contratadas 8.887 pessoas.

O processo realizado em 2020 foi cancelado e os candidatos vêm recebendo de volta os valores pagos na inscrição. Foram três iniciativas do IBGE para a devolução do montante: maio, outubro e janeiro de 2021. Até o começo deste ano, cerca de 60% dos candidatos da seleção anterior tinham recebido de volta o montante.

Com o processo seletivo reaberto, uma coisa tem chamado a atenção: o menor número de vagas previstas em relação ao anterior, que foi cancelado por causa da pandemia. Lançado em março de 2020, o edital trazia 208.695 vagas e a previsão era receber quase 2 milhões de inscrições.

Vagas

Com a redução do número de vagas, o quadro ficou da seguinte forma: para a função de recenseador, estão abertas 181.898 vagas, cuja previsão de duração do contrato é de até 3 meses, podendo ser prorrogado mediante necessidades de conclusão das atividades do Censo e de disponibilidade orçamentária. A jornada de trabalho é de, no mínimo, 25 horas semanais. A remuneração não é fixa, pois se baseará na produção. Isto é, de acordo com o número de domicílios visitados e questionários respondidos.

Para as funções de agente censitário, é exigido ensino médio completo, e estão disponíveis 5.450 vagas. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias. Os melhores colocados em cada município ocuparão a vaga de agente censitário municipal, que será o responsável pela coordenação da coleta naquela cidade. Estes terão remuneração de R$ 2,1 mil. Os demais supervisionarão as equipes de recenseadores e receberão salário de R$ 1,7 mil. A previsão de duração do contrato é de até 5 meses, podendo também ser prorrogado.

Inscrições

Para as vagas de recenseador, as inscrições começam no dia 23 de fevereiro e vão até 19 de março, pelo site do Cebraspe. A taxa de inscrição é de R$ 25,77. Já para as vagas de agente censitário municipal e agente censitário supervisor, as inscrições começam nesta sexta-feira (19) e vão até 15 de março também pelo site do Cebraspe. A taxa de inscrição é de R$ 39,49.

Provas

Agentes - 60 questões
10 de Língua Portuguesa
10 de Raciocínio Lógico Quantitativo
5 de Ética no Serviço Público
15 de Noções de Administração/Situações Gerenciais
20 Conhecimentos técnicos

Recenseador - 50 questões
10 de Língua Portuguesa
5 de Ética no Serviço Público
10 de Matemática
25 de Conhecimentos técnicos

Pernambuco

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) contratará, temporariamente, 8.887 pessoas em Pernambuco para o Censo 2021, previsto para ser realizado entre agosto e outubro deste ano. Desse total, 241 vagas são para o cargo de Agente Censitário Municipal (ACM), 724 vagas para Agente Censitário Supervisor (ACS) e os outros 7.922 para recenseadores, que visitam as casas e entrevistam os moradores.

Comentários

Últimas notícias