NEGÓCIOS

Deloitte foca na transformação digital com novo braço empresarial no Brasil

Maior organização de serviços profissionais do mundo, a Deloitte espera agora unir a sua expertise às ofertas de apoio na transformação digital de negócios

Lucas Moraes
Cadastrado por
Lucas Moraes
Publicado em 10/11/2021 às 12:33
Foto: Deloitte/Divulgação
Foto: Deloitte/Divulgação
Leitura:

A consultoria Deloitte passa agora a contar com um braço especializado para a transformação digital de clientes. A demanda, impulsionada pela pandemia, ganhou relevância na empresa, que através da Deloitte Digital combina o portfólio internacional da marca aos serviços de Customer & Marketing, aglutinando a chegada de cinco sócios da CbCloud, boutique de Belo Horizonte especializada em plataformas de CRM da Salesforce, que foi adquirida pela empresa.

Maior organização de serviços profissionais do mundo, a Deloitte espera agora unir a sua expertise às ofertas de apoio na transformação digital de negócios. Para tanto, a empresa também fortaleceu a aliança com a Salesforce, provedora de tecnologia líder de mercado. 

A Deloitte ganhou cerca de 70 novos sócios desde o seu último ano fiscal e já vinha consolidando alianças com 10 dos principais provedores de tecnologia – sendo a Salesforce uma delas. De modo incremental, R$ 400 milhões foram investidos para concretizar no Brasil a aspiração já alcançada mundialmente, de assumir a liderança do mercado.

 No ano fiscal de 2021, a Deloitte teve faturamento de US$ 50,2 bilhões, crescimento de 5,5%. A área de consultoria avançou menos do que a média: 5%.

Com a Deloitte Digital estão no leque de principais serviços o desenvolvimento e implementação de estratégias de crescimento "que inovem os negócios e proporcionem experiências diferenciadas ao cliente com a aplicação de tecnologias digitais".

O investimento contemplou ainda a contratação de mais de 150 novos profissionais, reforçando o time da Deloitte Digital, que reúne agora 10 sócios e 350 pessoas ao todo e deve ter recursos iniciais na casa dos R$ 60 milhões. Embora chegue agora ao Brasil, o braço digital da empresa já está presente em mais de 60 países, dentre os mais de 150 em que a Deloitte atua.

"Vai ser uma horizontal focada na transformação de vendas, serviços e marketing, complementando com o conhecimento que a Deloitte já possui de indústrias. Temos cases bastante relevantes de empresas de grande porte no mercado", diz a sócia-líder da consultoria Deloitte, Renata Muramoto. 

De acordo com a Deloitte, embroa a transformação digital não seja algo novo, sendo realizado pelas companhias nos últimos dez anos,  há gargalos nesse mercado que ainda precisam ser sanados, a exemplo da priorização da eficiência dos processos na transformação em detrimento da experiência dos clientes. 

"Percebemos esse débito de inexperiência no começo da pandemia. Os canais principais dessa transformação foram demandados. Tivemos as empresas que estavam atrasadas acelerando a entrada (no mercado digital), também que precisava ajustar. fez isso para apoiar os clientes, mas desafio continuo. Temos preocupação com a experiencia híbrida. Se eu trago inteligência para todo o processo e  conjugo os dois mundos para trazer contexto, no fim temos o contexto e relevância. Tem muita oportunidade para juntar esses mundos", complementa o sócio-líder da Deloitte Digital, Guilherme Evans.

A Deloitte Digital reúne recursos em estratégia, inovação, design, tecnologia, operações e inteligência de dados. No Brasil, atuará especialmente para impulsionar a transformação digital dos clientes com soluções relacionadas ao redesenho digital de frentes de vendas, relacionamento com clientes, marketing, operações, processos internos e formas de trabalhar.

Os principais serviços envolvem desenvolver e implementar estratégias de crescimento que inovem os negócios e proporcionar experiências diferenciadas ao cliente com a aplicação de tecnologias digitais. 

Até agora, por volta de mil projetos já foram entregues por cerca de 9 mil profissionais especializados da Deloitte globalmente, reconhecidos com mais de 20 mil certificações próprias da Salesforce e dedicados a atuar a partir desta aliança numa rede global de operações. A expectativa é aumentar essas receitas em mais 50% até maio de 2024.

 

Comentários

Últimas notícias